O medo

TENHA MEDO DO QUE O GOVERNO PODE FAZER COM VOCÊ. NO BRASIL GOVERNAR É SATISFAZER NECESSIDADES FISIOLÓGICAS.

20 de out de 2014

QUIZ
Responda, num piscar de olhos, por favor... De janeiro até hoje, Dilma Vana foi: 1) President@; 2) Candidata; 3) Nem a primeira nem a segunda alternativa, Lula foi as duas coisas o tempo todo.

O VELHO CHICO
Que droga aquele recado do velhote-propaganda Chico Buarque dizendo que primeiro votou na Dilma por causa do Lula e que agora vota na Dilma por causa da Dilma. A cara de Chico já não engana ninguém; ele fala com os olhos ainda bonitos mas já sem a antiga transparência. Ele dá para Dilma, mas sem deixar de agradecer ao Lula. A palavra quase melodiosa do velho Chico deixa no ar um certo tom, uma certa nota de investimento. Qualquer dia, se tudo der certo de novo, ele emplaca outro livro lá no Ministério da Cultura.

CADÊ VOCÊ?!?
Inda que mal pergunte, alguém tem visto Marta Suplicy por aí, alhures, em qualquer palanque, em algum caminho que pelo menos leve à Esplanada do Ministério que ela ganhou para gastar sola de sapato  com o Fernando HaHaHaddad que Lula botou no seu lugar? Ex-apresentadora da TV Globo, Marta não estrelou nenhum comercial da campanha de Dilma. Marta tá de mal com Dilma, ou tá de mal com Lula? Ou será que Marta fez as pazes, mas agora só relaxa e goza?!?

OS GRANDES DERROTADOS

Mais do que Dilma Vana, se Aécio Neves ganhar essa corrida rumo ao governo brasileiro, um dos dois grandes derrotados será o marqueteiro João Santana. E nem vai ser a vitória dos tucanos que vai acabar com ele.

Seu maior carrasco será um cara chamado Lula da Silva que Santana, petezísticamente, "desconstruiu" como maior cabo-eleitoral do País em todos os tempos. 

Lula anda espumando de raiva por ter sido relegado a um plano inferior na reta final da campanha de Dilma Vana. É como se João Santana tivesse dado em Lula o chute no traseiro que Lula deu em Marta naquela eleição para a Prefeitura de São Paulo.

O desgosto de Lula, no entanto, não é só por sua imensa vaidade; é pela sua insaciável sede de poder.

Se Dilma Coração Valent@ vencer a eleição sem que a participação de Lula tenha sido fundamental, ela se libertará de vez do bafo na nuca que vem padecendo desde o dia em que botou o pé na rampa.

E assim se dará que o futuro de Lula será incerto e não sabido para o sonhado quatriênio que começaria para ele em 2018. Nesse caso, o segundo grande derrotado será o glorioso Lula da Silva.