O medo

TENHA MEDO DO QUE O GOVERNO PODE FAZER COM VOCÊ. NO BRASIL GOVERNAR É SATISFAZER NECESSIDADES FISIOLÓGICAS.

22 de fev de 2016

POR QUE DILMA AINDA HABITA
O PALÁCIO DO GOVERNO


Dilma só habita o Palácio do Planalto, por que nenhum dos que estão na fila para ocupar o governo em seu lugar merece a confiança dos brasileiros e nem sequer representa a esperança de acabar com essa perniciosa e nefanda democracia de gabinete. 

Dilma só continua presidente por que nós mesmos, os brasileiros da planície, não temos quem colocar no Planalto no lugar dessa destrambelhada criatura que não é ruim nem incapaz sozinha. 

Dilma é incompetente e conivente, muito mal acompanhada por uma caravana de ministros tão ruins ou piores do que ela. E seus previsíveis sucessores não têm, como Dilma, nem a lista e nem o ânimo para constituir um novo ministério qualificado para o Brasil que o Brasil pode e tem que ser.

Não há "uma só alma viva" nesse Brasil de partidos politicamente incorretos que não se encaixe no perfil dos desprovidos de qualificação e de boas intenções para administrar com eficácia esse Brasil - um país sem educação, sem saúde, sem honestidade, sem ética, sem moral, sem igualdades sociais, sem justiça de fato e de direito. 

Não há, dentre os que nos des/governam, quem tenha um programa de governo como nós queremos e precisamos ter. Eles têm apenas o velho, guloso, massacrante e pertinaz plano de poder. Cadê o programa de governo, cadê?!? Quem garante tem o ônus da prova.

PESSOAS E POLÍTICOS

Dilma continua na Presidência dessa República de Calamares por que nem eu e nem você - como nação brasileira - temos esse regime novo, temos o fim dessa falsa democracia, temos esse novo governo no coração e muito menos na razão. 

É por isso que Dilma ainda lá se encontra: por que não temos gente, não temos pessoas para colocar no lugar dos políticos. O Brasil da Silva é povoado por duas espécies de habitantes: as pessoas e os políticos.

Não temos uma nação que substitua a politicalha; não temos um programa de governo que acabe de vez com a canalhocracia que nos domina, nos engana e nos traz de volta ao terceiro mundo. 

É por isso, por absoluta falta de idoneidade - deles e nossa também - que Dilma continua morando no Palácio do Planalto. Não lhe peço perdão por incluir-nos, a mim e a você, nessa caminhada sobre a lama que nos empurra para o precipício: nós temos uma enorme culpa nesse cartório. 

TROQUE SE FOR CAPAZ

Se não é assim, pense aí com seus botões qual é o substituto capaz de Dilma, caso se faça com ela o que ela merece: Michel Temer, Eduardo Cunha, Renan Calheiros, Ricardo Lewandowski, Tiririca? 

Ou seria um Aécio Neves, um Zé Serra, um Geraldo Alckmin que nem mesmo os tucanos se animam a definir? Quem sabe Marina Morena, ou um Ciro Gomes, um Cristovam Buarque, o do discurso de uma nota só; o Bolsonaro ou a vida?

Quem sabe desalojamos Lula do duplex de São Bernardo, ou do sítio dos amigos de Atibaia e o trazemos de volta pro nosso aconchego ?!? Vai ser bom estar com ele de novo, trazendo nas malas bem mais que bastante saudade.

Vai ver você sabe mais que os militares qual deles seria o melhor e mais capaz comandante-emchefe de quaisquer das Armas para redescobrir e refazer o Brasil que há 31 anos esses "redemocratizadores de gaveta" vêm arrombando e deixando arrombar? 

SERENATA POR RETREITA

Veja que se trata até aqui apenas de uma simples troca de presidente. E isso a gente já viu que seria trocar serenata por retreita; seis por meia dúzia; alhos por bugalhos. 

Tente imaginar-se compondo um novo ministério: comece tirando um comunista do Ministério da Defesa de um país que se diz democrático; pense em uma besta qualquer para o lugar de Mercadante a fim de melhorar o MEC; veja aí na sua relação de reconstrutores do país quem é que você tem para nos tirar do fundo do poço educacional; alguém que nos livre do vice-campeonato mundial da ruindade em educação.

Pense em outros ministros para a Saúde, para o Trabalho, a Fazenda, a Economia, as Relações Exteriores, o Comércio, a Agricultura, a Indústria, a Previdência Social, para os outros ministérios todos e suas circunstâncias... 

Diga agora mesmo, sem pestanejar, quantos são, afinal, os ministros da Dilma nessa atualidade retrógrada e nem precisa pensar nos seus milhares de servidores incapazes e desqualificados... 

Se você não tem a sua própria relação de ministros no bolso, nem um programa de governo na mão, então não se queixe. E não vale dizer que isso é lá com os políticos, pois numa democracia de verdade todo o poder deve emanar do povo, em nome do povo ele será exercido e ao povo ele tem que ser devolvido. 

O DIABO É...

O diabo é que eu e você somos parte desse povo e estamos com preguiça; pior que isso, temos coração mas não temos a razão e nem a cultura de uma gestão séria, eficiente, honesta e justa, por que o hábito faz o monge. Nós furamos a fila do banco; colamos nas provas de matemática ou de história; nos enganamos no troco... Somos monges, sim; mas monges muito melhores que os outros nessa terra em que ninguém é santo.

Nós colocamos essa pandilha de muito mais do que "300 picaretas" no coração do Estado para que eles finjam que nos representam enquanto quebram e arrebentam o país, como se fossem respeitáveis Black Blocs de gravata. 

Nós entregamos o poder nas mãos de políticos sem moral, sem ética, sem qualquer vocação para ser povo e realmente em nome do povo e para o povo redescobrir e reconstruir a nação que hoje esse país desconhece. 

Nós colocamos ingenuamente o crime organizado no lugar do Estado. E, porque não somos cúmplices, nos conformamos em ser apenas essas vítimas que nos deixamos abater, loucas de pena de nós mesmos. É por isso que Dilma ainda é o que é. E o Brasil também.