O medo

TENHA MEDO DO QUE O GOVERNO PODE FAZER COM VOCÊ. NO BRASIL GOVERNAR É SATISFAZER NECESSIDADES FISIOLÓGICAS.

29 de fev de 2016

CARDOZO SAI DO MINISTÉRIO DA JUSTIÇA E O CRIME ORGANIZADO COMEMORA
O que com Cardozo já não era bom, sob o domínio da República do Petrolão será terrível.

Prestem atenção, a saída de Zé Eduardo Cardozo do Ministério da Justiça mereceria uma celebração popular de pelo menos três dias, à moda Carnaval, se o Brasil não vivesse hoje essa democracia de gavetas cheias de surpresas desagradáveis.

Cardozo nunca chegou a ser mais que um advogado de defesa da sua patroa, Dilma Vana. Porém, melhor, muito melhor do que isso, Cardozo sempre foi um ministro de boa pose, metido a formador de opinião jurídico-política que não conseguiu jamais antecipar nem mesmo estancar um movimento sequer da Polícia Federal, do Ministério Público, da Magistratura Federal na sua versão mais simples de operações de direito e justiça como a Zelotes e a Lava Jato.

Cardozo sairá do  Ministério da Justiça por pressão do PT, desejo de Lula da Silva e necessidade urgente do crime organizado que se infiltrou no Estado e que já não está aguentando mais posar de algemas e andar por aí ostentando tornozeleiras eletrônicas.

O que, com Cardozo já não era bom para as operações que passam o Brasil a limpo, sem Cardozo pode e tem tudo para ficar terrível.

O PT, Lula da Silva e o crime organizado da República do Petrolão, já podem começar a respirar aliviados o ar da impunidade e a sentir de novo o gosto da vitória do mal sobre o bem.

Se você é daqueles que como eu, esperam sempre o que há de ruim e de malévolo dessa pandilha de sevandijas que se apropriou do Brasil, que rouba e deixa roubar, então você não perdeu por esperar: o Ministério da Justiça sob o seu domínio não será terrível; será muito pior.

Se a população, se os brasileiros de boa índole, se as pessoas de boa vontade não transformarem sua capacidade de indignação em ações concretas contra o domínio dessa caterva que invadiu e aparelhou os três poderes constituídos - Executivo, Legislativo e Judiciário - o 4° poder, a mídia e a máquina pública, o Brasil começa já, agora mesmo, a partir de amanhã, a ser uma enorme, uma incomensurável  e desgraçada republiqueta bolivariana.

E a vida no Brasil caminhará inexoravelmente rumo ao mais puro estilo da Venezuela chavista, ou da desencantada Cuba, a esfaimada e paupérrima Cocodrilo Verde - sonho de poder e domínio dessa horda de velhacos.

RODAPÉ - Não me entendam mal. Não estou defendendo o Zé Eduardo Cardozo, vassalo antigo de Dilma, desde os carnavais da sua primeira eleição.

Estou me defendendo da invasão dos bárbaros no Ministério da Justiça, ponto estratégico para estabelecer-se o reinado absoluto da República do Petrolão. Tomar de assalto o Ministério da Justiça é o caminho mais curto para algemar a Polícia Federal, imobilizar o Ministério Público e quebrar as Varas da Magistratura.