O medo

TENHA MEDO DO QUE O GOVERNO PODE FAZER COM VOCÊ. NO BRASIL GOVERNAR É SATISFAZER NECESSIDADES FISIOLÓGICAS.

25 de mar de 2016

O REQUINTADO SANDUBA DE MORTADELA
DO PALÁCIO PARA A IMPRENSA ESTRANGEIRA

Na busca desesperada por alguém que lhe empreste pelo menos solidariedade, Dilma Vana patrocinou um café da manhã a correspondentes estrangeiros, requintando a prática de comprar aliados à base sandubas de mortadela.

Como se fossem blogueiros domesticados que atendem às convocações de Lula na sala de imprensa do Instituto que lhe rouba o nome, Dilma falou nesta quinta-feira com jornalistas do The New York Times, The Guardian, Le Monde, El País, o Página 12 e o Die Zeit.

Deve ter falado em esperanto, já que os comensais era americanos, britânicos, franceses, espanhóis, argentinos e alemães. O que disse, tanto faz como tanto fez. Esses caras são poliglotas e conhecem a sua profissão. Mas, ainda não conseguem entender o dilmês.

Em todo caso, eles só se deixam pautar por seus editores e suas respectivas linhas editoriais. Um pouco diferente das redes de comunicação domésticas que até  hoje não decidiram quem é que manda na próxima edição: o diretor comercial ou o chefe da redação - um detalhezinho bobo e sem a menor importância, eis que nesse Brasil da Silva, de bons planos de mídia e de marketing, acaba prevalecendo sempre a plena liberdade do patrão.

RODAPÉ - Eu insisto: para o bem da imagem do Brasil da Silva lá fora, espero que Dilma não tenha falado o tempo todo de boca cheia.