O medo

TENHA MEDO DO QUE O GOVERNO PODE FAZER COM VOCÊ. NO BRASIL GOVERNAR É SATISFAZER NECESSIDADES FISIOLÓGICAS.

27 de abr de 2015

BEM DO JEITO QUE O DIABO GOSTA, OU
TÃO INOCENTES QUE JÁ NASCERAM ADULTOS

A coisa tá ficando bem do jeito que o diabo gosta. O Ministério Público denunciou Vaccari Neto, unha e carne com Lula e Renato Duque, assim-assim com Zé Dirceu, por lavagem de paupérrimos 2 milhões e 400 mil reais.

Em mais esta acusação está escrito que os ingênuos senhores de engenho usavam a abusavam de uma gráfica mantida por sindicatos ligados ao PT para lavar dinheiro de propina do Petrolão.

O nome da gráfica é sugestivo: Atitude. E os sindicatos são os mesmos de sempre e podem ser identificados pelos pelegos de uso habitual: Sindicato dos Metalúrgicos do ABC e o Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região.

Nesse meio tempo, o mensaleiro Zé Dirceu, em pleno gozo de uma boa prisão domiciliar, comunicou à Justiça Federal, mais conhecida nesse caso pelo codinome de Operação Lava-Jato, que fechou sua empresa de consultoria que faturou R$ 39 milhões, de 2006 até 2013 quando estourou o escândalo da roubalheira na Petrobras.

Dirceu enviou na sexta-feira passada documento ao juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal em Curitiba, informando que a JD Assessoria e Consultoria está "inoperante". Ó céus! Ó vida! Como essa vida de traficante de interesses é incerta e não sabida.

Foi só qualquer indicação de um reles delator premiado passar a ter mais conceito, credibilidade e honradez que a palavra de um perspicaz lobista, de um loquaz e expedito intermediador de negócios públicos de ocasião, para uma verdadeira mina de ouro se transformar, da noite pro dia, num fétido monte de lixo. Essa lava-Jato anda mesmo passando o Brasil a limpo.

Nesse ritmo, Zé Dirceu ainda vai galgar o posto de chefe dos garis do sistema prisional brasileiro. E logo, logo o velho e escorregadio chefe de Dirceu e de todo o crime organizado que saiu das ruas e se acomodou no Estado, vai se fazer de doente uma vez mais e dizer que foi "apunhalado pelas costas".

De tanto ferimento, de tanta punhalada nas costas vai acabar arranjando uma diretoria-geral na Enfermaria do Complexo Médico-Penal do Paraná, terra natal da Operação Lava-Jato.

E de nada vai adiantar a velha ladainha, a surrada cantilena da inocência. O juiz Sérgio Moro sabe que os sócios dessa agremiação de malfeitores são tão inocentes que - como diria Millôr Fernandes - nunca foram crianças, já nasceram adultos.