O medo

TENHA MEDO DO QUE O GOVERNO PODE FAZER COM VOCÊ. NO BRASIL GOVERNAR É SATISFAZER NECESSIDADES FISIOLÓGICAS.

22 de mai de 2015

BALA PERDIDA

Sabe a Christine Lagarde, aquela francesa alta e feia e até simpática que manda no FMI, pois ela esteve aqui e deu um puxão de orelhas na Dilma Vana.

Disse que para combater a crise, a primeira coisa é o governo parar de gastar.
Dilma Vana ouviu, mas francês pra ela é grego, então saiu assobiando de fininho um trecho de La Vie en Rose. Essas coisas, não são coisas que se digam em sociedade, ainda mais numa sociedade perdulária como essa do Brasil da Silva.

Decerto vocês nem se lembram mais da frase fatal da grande raposa mineira, Tancredo Neves, quando assumiu a presidência da República. Pois, eu a retiro agora do baú das miudezas e só de maldade jogo-a na pá do ventilador: "É proibido gastar!".

Foi a sua última frase politicamente correta. Depois Tancredo foi parar no hospital, de onde só saiu para subir a rampa num esquife.

Moral da história: falar para Dilma que o governo tem que parar de gastar é como bala perdida para o carioca: entra por um ouvido e sai pelo outro.