O medo

TENHA MEDO DO QUE O GOVERNO PODE FAZER COM VOCÊ. NO BRASIL GOVERNAR É SATISFAZER NECESSIDADES FISIOLÓGICAS.

15 de mai de 2015

À BEIRA DE UM REBORDOSA

Não se iludam, o Cara está à beira de uma revolução armada com paus e pedras e exércitos populares invasores de propriedades alheias. Na realidade, uma rebordosa sem pé nem cabeça. Mas, o Cara não vai deixar barato.

É que a Operação Lava-Jato está chegando cada vez mais perto dele. Está chegando a hora e a vez dos políticos. Tem quatro deles já em palpos de aranha: André Vargas, Luiz Argôlo, Pedro Corrêa e sua filha Aline Corrêa.

Junto com o quarteto há mais nove denunciados por corrupção ativa, passiva, formação de quadrilha e o diabo a quatro. Mas esses não são políticos, são compradores de políticos.

A cana braba está chegando perto, mas ainda não é a vez do Cara; ele não chega a ser um político, é mais um agitador, um aproveitador de oportunidades: vê na vitrine o cartaz "aproveite a ocasião, ele entra lá, pega o que estiver a seu alcance e se manda, sem pagar.

Se alguém o interpelar, diz apenas que aproveitou a ocasião. E é capaz de convencer aquele que lhe fizer a abordagem a embrulhar tudo em papel para presente.

O Cara é assim, usa as palavras dele e dos outros para persuadir aqueles que têm boa índole e se deixam enganar pelas mentiras com aparência de verdade. Por frágeis e insustentáveis que sejam.