O medo

TENHA MEDO DO QUE O GOVERNO PODE FAZER COM VOCÊ. NO BRASIL GOVERNAR É SATISFAZER NECESSIDADES FISIOLÓGICAS.

26 de out de 2015

VVC
O Planalto tenta segurar de todas as formas o ímpeto do PT contra Eduardo Cunha. Na verdade, o Planalto está tentando segurar é o ímpeto da facção lulo petista. É que já ribombou nos corredores do Palácio, o eco do código de silêncio do Cunha: VVC - Vocês Vão Comigo.

ZELOTES NELES
A nova fase da Operação Zelotes - aquela que já sabe quem arrombou os cofres da Receita Federal - investiga fraudes no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais, já acertou o pé de Luís Cláudio Lula da Silva, por acaso filho de Lula. Chiii, acho que me expressei mal. Eu não quis dizer bem isso, o Luís Cláudio não é filho de Lula  por acaso: o pai do garotão sabia muito bem o que estava fazendo com a mãe dele. O que se está dizendo é que não há nenhuma jogada nesse meio de campo que não tenha sido por querer. Não é por nada que a Zelotes é a cara, sem tirar nem pôr, da Operação Lava Jato. Hoje mesmo está cumprindo 33 mandados no Distrito Federal, Sãos Paulo, Piauí e Maranhão. Nesse ramo da democracia de gabinete, nada acontece por acaso.

ALMAS PENADAS
Os mais atentos organismos da nação descobriram que os números exatos desmoralizam a história oficial, como sempre mal-contada pelo governo e pelo presidente institucional do país, Lula da Silva de que as "pedaladas fiscais" foram só para programas sociais. A dinheirama, bilhões e bilhões de reais, fizeram a farra de programas sociais sim, mas fizeram também a alegria de muitas pessoas físicas que agora tomam chá de sumiço como se fossem almas penadas, uma coisa do outro mundo. As pedaladas elegeram candidatos, enriqueceram partidos políticos e promoveram lheguelhés e pés-rapados à elite dominante, hoje podre de rica.

DÍVIDA PÚBLICA: R$ 2, 734 TRILHÕES

Está na rua e ninguém pode negar: a Dívida Pública Federal subiu 1,80% em setembro e foi para R$ 2 trilhões, 734 bilhões. E não fique aí assim, sacudindo a cabeça nesse meio-tom de cinza, como quem reprova, ou - em sendo governista - como quem aprova.

Vou tentar ser tão didático quanto curto e grosso: essa tal de Dívida Pública Federal é o rombo contraído pelo Tesouro Nacional para financiar o déficit orçamentário do governo do PT & Comandita Associada. Nesse rombo está incluído o refinanciamento do próprio arrombamento. É também para realizar operações "com finalidades específicas definidas em lei".

Nesse meio tempo, preciso é que se diga: de 1° de janeiro até esta gloriosa segunda-feira, 26 de outubro de 2015, o governo brasileiro abocanhou só em tributos, fora o alho, nada menos do que R$ 1 trilhão, 650 bilhões. E agora, com a Lava Jato em cima, o governo não sabe o que fazer com tanto dinheiro.

Antes de ser flagrado com a boca na botija, distribuía para os pobres e necessitados do país - dentre eles, políticos eleitos, deputados, senadores, ministros, operadores, receptadores e a máquina pública em geral. Sempre sobrava um dinheirinho para os programas sociais, é verdade. Agora nem isso.

Abaixo a Lava Jato! Fora, Leandro Daiello da Polícia Federal! Fora, procurador Deltan Dallagnol! Fora, Sergio Moro!Abaixo a Lava Jato! Viva o arrombamento das burras públicas! Salve, salve os que não sabem de nada, inocentes...

É TUCANAGEM!
Pô, isso já é perseguição; é tucanagem! A Polícia Federal fez buscas hoje no escritório do filho de Lula, o Luís Claúdio também registrado Lula da Silva, no cartório e carimbado pelo crédulo e bondoso Jesus Cristo que, de tão bom e caridoso, até morreu na cruz para nos salvar. Das duas, uma: essa Polícia Federal é agnóstica, ou então não vota no PT nem que a vaca tussa.

NINGUÉM MERECE...
Marta, nesse fim de semana, foi aclamada como candidata à Prefeitura de São Paulo, na convenção do PMDB. Tá, que ela seja a nova musa do partido de Michel Temer, do Sarney, do Renan e do Eduardo Cunha, tudo bem... Mas, o que é mesmo que os coitados dos paulistanos têm a ver com isso; que culpa eles têm no cartório; que mal fizeram, que mal tão grande cometeram para sofrer um castigo desse?!? Acho que arrombaram e deixaram arrombar a mulher do rei. Mas, pô!, isso já faz muito tempo. Ninguém merece... Só mesmo o PT e o PMDB.

FORA-DA-LEI
O PT não inventou a corrupção; ele apenas a organizou e sistematizou tão bem que colocou a honestidade fora da Constituição. Hoje, qualquer cidadão - ainda que petista - apanhado num ato explícito de seriedade é considerado um fora-da-lei.