O medo

TENHA MEDO DO QUE O GOVERNO PODE FAZER COM VOCÊ. NO BRASIL GOVERNAR É SATISFAZER NECESSIDADES FISIOLÓGICAS.

16 de out de 2015

BLATTER POR PLATINI
E LULA POR DILMA

Sabe aquele rolo lá na Fifa, em que todo mundo roubou e deixou roubar?

Pois o Joseph Blatter, Pai dos Ricos no império do futebol, que foi suspenso da presidência por 90 dias, vem dizer agora que "o pagamento de Platini foi um acordo de cavalheiros".


Que entregada, mermão! Blatter confessou, ou pelo menos admitiu que Platini pegou a grana.

Blatter parece até o Lula, Pai dos Pobres no País do Futebol, defendendo a Mulher Sapiens : "Dilma pedalou para pagar o Bolsa Família".

Os dois, tentando justificar os malfeitos, confessaram as delinquências cometidas pelo mais novo par de vasos do mais alto trambique que corre o planeta Terra. Pronto, agora todo mundo sabe que Michel Platini e Dilma Vana são dois malfeitores.

Mas nem tudo está perdido. É bem como um bom marinheiro me contou um dia: o vento sempre sopra contra o mau timoneiro.

Mas aí, há duas notícias. Uma boa e outra ruim.

A ruim é que tanto Jeff Blatter quanto Lula da Silva ainda não são delatores premiados. Suas palavras de honra valem tanto quanto dobrar a meta de um zero à esquerda. Aí, o vento sopra contra.

A boa para Platini e Dilma é que o Lula - talvez se dê o mesmo com Blatter - tem sempre um lenço pra cada choro.

Se Lula, o popular Brahma, já fosse vivo como é hoje, lá nos tempos do Ano 33 d.C. ele teria convencido Pôncio Pilatos, na hora de lavar as mãos, que a Companhia de Águas e Esgotos de Jerusalém havia cortado o fornecimento de água.

E a história da cristandade teria, com as mãos sujas de Pilatos, o desfecho que a boa ideia do gênio de Lula desengarrafasse a caminho da colina de Gólgota. Nesse caso, o vento correria a favor. A favor de Lula; contra a nossa pátria amada, mãe gentil. Mas, aí ele e Dilma estão pouco se lixando.