O medo

TENHA MEDO DO QUE O GOVERNO PODE FAZER COM VOCÊ. NO BRASIL GOVERNAR É SATISFAZER NECESSIDADES FISIOLÓGICAS.

03/05/2013

São Paulo 1x2 Galo Mineiro

Rogério Ceni vai classificar sozinho o São Paulo.

Tá bom, nesta noite de quinta-feira havia uns 50 jogos de fiutebol de tudo que é tamanho e feitio para se assistir na TV. Campeonatos regionais, Copa do Brasil, Libertadores e o diabo a quatro. Resolvi dedicar minha beleza ao confronto São Paulo x Atlético/MG na casa do tricolor paulista.

Que pena ver o Ganso no São Paulo. Estivesse ele no Santos, o Muricy Ramalho ainda seria o melhor técnico no Brasil, o Neymar estaria jogando muito mais e o Ganso já estaria dando show na Europa.

Vi, em meio a pipocas e guaraná amazonense, o desembarque do São Paulo no estádio. Desceram do ônibus 15 jogadores e 52 cartolas.

Reprodução/globoesporte.com

Começa o clássico. Aquela dupla Diego Tardelli-Ronaldinho Gaúcho mete medo. Com eles na tela de TV a coisa fica feia. A dupla é um pavor.

Ronaldinho está feliz. Não pára de rir. Ver o Ronaldinho rindo dá vontade de chorar.

Já pelo meio do jogo de poucas faltas e menos chutes a gol, sai o dito cujo do São Paulo: gol de Jadson, pegando um merengue que Ganso lhe dedicou carinhosamente.

Foto/Reprodução/Lamina
Quase no final do primeiro tempo, Ronaldinho devolve a gentileza e empata de cabeça. Dessa vez nem pediu água para o Rogério Ceni.

Termina a primeira etapa: 1x1. Uma chuva de gols para os dois times que não queriam nada com as redes.

Começa o segundo e longo período. Já desperdiçaram 10 minutos de bola correndo sem novidade nenhuma. Parece que os dois times ainda nem entraram, em campo. Que falta faz o Neymar nesse jogo.

Aí, um lance para animar os mais recônditos instintos de torcedores e torcedoras: Rhodolfo deu na bola bem pertinho de onde o Cuca ia... Uma jogada indecente para os rígidos padrõesdo clássico. E lá estava Tardelli pra meter pra dentro. Gol. E de virada. Que coisa, mais despudorada, né não? Em todo caso, Galo 2x1.

O Cuca é tão bom treinador que todo mundo tinha a impressão de que o Atlético estava com um jogador a mais dentro de campo. Na verdade, o São Paulo tinha um a menos. Mas a mídia é assim mesmo: está fazendo de tudo para tirar o Felipão e para o Cuca ir para a seleção.

Mas deu pra bola. Pronto, 2x1, vitória do Galo Mineiro. Agora sim ficou fácil para o São Paulo. Basta ganhar de 2x1 em Minas. Aí vai decidir nos pênaltis. Rogério Ceni defende um; vai lá, bate, converte e elimina sozinho o Atlético. Barbadinha.