O medo

TENHA MEDO DO QUE O GOVERNO PODE FAZER COM VOCÊ. NO BRASIL GOVERNAR É SATISFAZER NECESSIDADES FISIOLÓGICAS.

1 de jun de 2016

Recebi uma mensagem de Mr. Bridges Son, amigo do Garanhão de Pelotas. Não havia meias-palavras. Era bem assim:

SE É ILEGAL, IMORAL, IRREGULAR E INCORRETO, TEM TUDO PARA SER CONCEDIDO.
 
E agora Sr. Lewandowski?
 
Para constar da informação abaixo acrescente-se que a jurisprudência do STF é a de que não cabe Habeas Corpus ... de decisão monocrática de ministro (Gilmar Mendes) ou de Turma.
 
 
O HABEAS CORPUS DE LULA ESTÁ COM LEWANDOWSKI E DECISÃO DE INCENDIAR, OU NÃO, O PAÍS, TAMBÉM.

 Pedido de Habeas Corpus, se aceito,geraria conflito inédito no STF e comprovaria aparelhamento. Ao que tudo indica, a defesa soube da iminente prisão de Lula. ...

O que estamos vivendo no Brasil é surreal.Entre sábado e hoje, a defesa de Lula partiu para o desespero absoluto.

Com um Habeas Corpus absurdo, tenta derrubar a decisão de Gilmar Mendes, fazendo com que o ex-presidente volte a ter foro no STF.

Não é só isso: os advogados de Lula querem escolher o Juiz: na petição, solicitam que todo o processo passe para as mãos do Ministro Teori Zavascki, tirando a competência, de ministro prevento, das ações liminares, sobre a posse de Lula, das mãos de Gilmar Mendes.

Antes de entrar com este Habeas Corpus, hoje, a defesa de Lula tentou outra ação,
diretamente com Teori Zavascki, solicitando a anulação da decisão de Gilmar Mendes.

Ao menos que este Sul Connection saiba, nunca, antes, na história do STF, um Ministro anulou liminar e, monocraticamente, a decisão de outro ,Ministro.

Nunca se viu algo parecido na história jurídica brasileira. Se Lewandowski conceder o pedido de Habeas Corpus, estará configurada uma violência entre ministros da Suprema Corte que não se viu nem na ditadura do Estado Novo e, muito menos, durante o regime militar.

A situação é dramática: esta semana o STF não tem sessão plenária e Lewandowski, na condição de Presidente, é o plantonista da Corte.

É pública e notória a forma como Lewandowski chegou ao Supremo. Sua mãe é uma grande amiga de Marisa Letícia Lula da Silva e o próprio ministro é íntimo da família.

Concedido o Habeas, é difícil imaginar o caos que viria a seguir. Gilmar, certamente, não assistiria calado a uma violência institucional deste porte.

E a reação da população brasileira, já, suficientemente, irritada, é difícil de ser mensurada. Ao que tudo indica, a defesa de Lula sabe que sua prisão é questão de horas.

Nas mãos de Lewandowski está a decisão: ou cumpre a lei e não comete uma violência inominável contra um colega ministro, ou, então, incendeia o país, de vez.

RODAPÉ - De minha parte acho que está tudo certo, mas que há no contexto um pouco do jeito de ser da banda "Assassinato de Reputações" ah, isso há. Atépor que tem essa história de "incendiar o país" coisa com cheiro do filho de Lula. Mas como o texto até pode ter lá seus méritos, acolhi a informação do Garanhão de Pelotas colhida por Mr. Bridges no Folhetim eletrônico, Sul Connection.