O medo

TENHA MEDO DO QUE O GOVERNO PODE FAZER COM VOCÊ. NO BRASIL GOVERNAR É SATISFAZER NECESSIDADES FISIOLÓGICAS.

17 de abr de 2016

EFEITO  COLATERAL
Um  dos efeitos colaterais que mais me animam é que o impeachment, uma vez consagrado, tira o foro privilegiado de uma carrada de ministros enrolados na Operação Lava Jato. Eles todos vão ter que passar pela Vara de Sérgio Moro. Nessa maré vazante estarão borbulhantes denunciados como Jaques Wagner, Edinho Silva, Aloízio Mercadante... O pé de Temer tá que é um leque para dar o kickoff nessa turma que está quicando a sua frente.

O ESGAR DO MORDOMO
O Brasil está à beira de ter por algum tempo, um dos presidente mais antipáticos da face da Terra e de todas as democracias e repúblicas do mundo. Um mordomo de filme de vampiro que se preze não pode mostrar mais do que um esgar à guisa de sorriso e assim mesmo, será enigmático e amedrontador, como de hábito acontece com as feições pétreas de Michel Temer.

FASE HOSTLESS
A oposição pediu e pode até levar: a Polícia Federal está a poucos passos de realizar operação de busca e apreensão no hotel onde Lula conseguiu hospedar a República do Petrolão. É claro que diante das evidências, Lula vai posar de inocente.

LULA E O CRIMINALISTA

Zé Gerardo Grossi é um dos mais requisitados criminalistas de Brasília. Pois, Lula foi procurá-lo antes que rompesse a madrugada. 

O encontro sigiloso nem chega a ser intrigante é instigante: deu-se antes que a noite cedesse lugar a um novo dia. Uma coisa assim, quase romântica, dadas as circunstâncias novelescas de um inocente perseguido e um especialista em crimes e castigos. 

Até aqui, Grossi estava fora da legião de advogados gratuitos que dão amparo a Lula nessas persecutórias investidas da famigerada Lava Jato. 

O que me deixa feliz da vida é saber que Zé Gerardo Grossi tem no seu currículo a ajuda prestada a Zé Dirceu quando ele precisou de carteira assinada para se habilitar ao regime semiaberto na Papuda. 

Quer dizer, o seu poder de encontrar escapadas nos grampos dos autos vai até ali. Milagre ele não faz. E Lula vai precisar, mais do que de um criminalista, de um anjo milagroso.

Em todo caso, esse Grossi está para Lula no crime, assim como o tratamento de emergências no Sírio-Libanês está para o atendimento pelo SUS. Quem pode se trata no Sírio, quem se sacode vai de SUS... Quem pode, contrata o Grossi; quem não pode se sacode com assistência judiciária gratuita.

GRACIOSAMENTE
Se Dilma for mesmo afastada da Presidência, vai poder morar - com a metade do salário atual de president@ - no Alvorada ou na Granja do Torto. Ela vai ter, no entanto que contratar advogado para defender-se judicialmente, eis que a Advocacia-Geral da União é da União e não dos presidentes de plantão. Decerto, assim como Lula, Dilma vai encontrar um batalhão de causídicos que a defendam graciosamente.

INDA QUE MAL PERGUNTE...
E se Dilma Sapiens não se afogar nesse domingo, com que roupa ela vai nadar contra a correnteza para governar o Brasil? 

A CARA DA ALMA
Vocês já repararam O que a Operação Lava Jato fez com a cara de Lula nesses últimos dois anos? Só isso e o fato de que de nada lhe adianta ter luxo e riqueza que não possa desfrutar já me dá a dimensão do estrago que se processa numa alma viva quando ela deixa de ser honesta. A gente está falando da alma. É quando a gente vê a cara e o coração.