O medo

TENHA MEDO DO QUE O GOVERNO PODE FAZER COM VOCÊ. NO BRASIL GOVERNAR É SATISFAZER NECESSIDADES FISIOLÓGICAS.

27 de abr de 2016

A MARCHA

A próxima mobilização dos exércitos de Stédile deve ser a Marcha da Cusparada. Liderados pelo asseado Jean Wyllys, eles vão invadir a Esplanada  dos Ministérios cuspindo mortadela em quem for a favor do impeachment da Dilma Vana e contra a candidatura de Lula já. 

LAMBE-BOTAS

Renan Calheiros teve um encontro, nesta terça-feira, com Lula e com Dilma. Lula saiu do GFolde Tulip, sede institucional da Presidência da República; Dilma deixou o palácio, sede temporária do seu governo. Ambos foram lamber as botas do caubói das Alagoas na residência oficial do poder estabelecido. Lula se meteu de pato a ganso grasnando por eleições-já! Dilma foi, uma vez mais, a Dama Fora do baralho. Baramba, beus abigos, eu disse "baralho!".

NÃO VENHAM CHORAR

A comissão especial do impeachment vai ouvir os ministros Nelson Barbosa e Kátia Abreu. Tá, podem ouvir, mas depois não venham chorar o vinho derramado!

A DEBANDADA

Marcelo Castro deixará o Ministério da Saúde. A seu desembarque do governo Dilma será publicado na edição de quinta-feira no Diário Oficial da União. Antes de Castro, já deixaram Dilma chupando o dedo os ministros peemedebistas Henrique Eduardo Alves, do Turismo, Helder Barbalho, dos Portos, Mauro Lopes, da Aviação Civil, Eduardo Braga, das Minas e Energia e Pansera, da Ciência, Tecnologia e Inovação. Apenas Kátia Abreu, da Agricultura e Agropeculiaridades, ainda segue no cargo. E a razão é simples: o dia em que Kátia sair do Ministério da Agricultura, os exércitos do MST não terão mais nenhuma desculpa para invadir terra nenhuma nesse país de Dilma Coração Ruralista.