O medo

TENHA MEDO DO QUE O GOVERNO PODE FAZER COM VOCÊ. NO BRASIL GOVERNAR É SATISFAZER NECESSIDADES FISIOLÓGICAS.

13 de nov de 2014

MACACO RI DA COLA DA CUTIA

A Agência Nacional da Saúde suspendeu a venda de 65 planos de saúde. O atento organismo do governo tomou a enérgica e urgente medida porque "as empresas desrespeitam os prazos máximos de atendimento aos clientes".

Esse governo me dá nos nervos. Macaco ri da cola da cutia e não olha a próprio rabo.

Há 12 anos que esse governo - endividado até à raiz dos mais recônditos cabelos - não trata como deve da saúde dos brasileiros - que continuam morrendo nas filas de espera para marcação de consultas e nos corredores dos hospitais públicos, sem médicos, sem leitos, sem a mínima atenção - e agora banca o salvador da pátria com as operadoras dos planos de saúde.

A Agência Nacional de Saúde faz de conta que a existência dos planos de saúde não é a consequência inevitável da incompetência e inércia dos serviços essenciais de saúde e previdência que o governo deve aos brasileiros.

Esses planos agora alvejados pela agência governamental têm 586 mil associados. O Brasil que há 12 anos está nas mãos desse governo sem saber o que fazer com a vida dos outros - que da sua própria ele cuida muito bem - tem 201 milhões de clientes. Todos pagantes e inexplicavelmente não-bufantes da maior carga de impostos da face da Terra.

RODAPÉ - Por favor, não deixem que me interpretem mal. Plano de Saúde é uma verruga, uma excrescência gerada pelo organismo público empalado e enfermiço que, em matéria de saúde, só conhece uma regra: a Lei de Murici - só cuida de si. Qualquer dúvida, perguntem à macacada se o bando conhece o Sírio-Libanês. O diabo é que o brasileiro está sendo empurrado por ditadores simpáticos a se conformar com essas desigualdades sociais. Padece de uma doença crônica de injustiça social e já não geme e nem se lamenta mais.