O medo

TENHA MEDO DO QUE O GOVERNO PODE FAZER COM VOCÊ. NO BRASIL GOVERNAR É SATISFAZER NECESSIDADES FISIOLÓGICAS.

26 de dez de 2015

DESPINDO UM SANTO...
Com o impeachment grudado na cola o governo remelexa recursos para pagar as pedaladas que Dilma deu, dá e vai continuar dando, porque cachorro  que come ovelha, só matando. O governo agora está despindo um santo para vestir outro. Faz truques contábeis para cobrir as pedaladas. Nada pelo Brasil, tudo para salvar o governo que Dilma desgovernou.

FARRA NA CONAB
Essa pandilha não aprende mesmo. Irajá de Abreu, deputado pelo Tocantins, filho de Kátia Abreu, ministra da Agricultura e Agropeculiaridades, indicou Igo Nascimento para a diretoria da Conab - Companhia Nacional de Abastecimento, que nunca foi santa. Pois Igo, assim que tomou assento na Conabo, nomeou Carlos Lara Maia para a diretoria de Operações e Abastecimento. O ungido é advogado da Raiz Transporte e da Transporte Rodoviário-500, ambas denunciadas pelo Ministério Público por crimes contra a administração pública. E a farra continua. O filhinho da mamãe anda passando por cima de meio mundo na Conab. Inclusive de servidores de carreira e concursados.

SEM NOÇÃO
Você pode até não acreditar, mas Zé Serra ainda não se apresentou uma vez mais como candidato a candidato à Presidência da República, só porque Aécio Neves não está deixando a cobra se criar. O cara não tem noção.

O ESCRITÓRIO STF
Nunca antes na história desse país um presidente do Supremo Tribunal Federal reduziu a Magna Corte a um expressão tão pequena quanto Ricardo Lewandowski. O tribunal funciona como um escritório do governo. De fato, pensando bem, o STF até pode ser pequeno hoje, mas não é acanhado.


A FICÇÃO DE GABRIELLI

O ex-presidente da Petrobras José Sérgio Gabrielli chamou de "ficção" a conclusão do Tribunal de Contas da União (TCU) de que a compra da Refinaria de Pasadena, nos EUA, causou prejuízo. 

Em depoimento à Polícia Federal, em Brasília, Gabrielli afirmou que o TCU não levou em conta os preços de mercado da época, em 2006. 

E o que ele disse ficou assim registrado na Polícia: "Que afirma que a Tomada de Contas realizada pelo TCU e que aponta que a compra da Refinaria causou prejuízo é uma ficção; que considera uma ficção pelo fato de que o TCU tomou em conta para considerar o prejuízo o valor definido após a decisão judicial e em comparação a uma planilha elaborada pela Consultoria Muse Stancil, sem levar em conta os preços de mercado da época."

Pronto, enfim, Gabrielli confessou. É que essa turma diz tudo tudo quando esconde o que tem que dizer. Ele e o crime organizado que ele deixou que se infiltrasse lá dentro quebraram a Petrobras. 

Basta ver a queda vertiginosa da estatal no ranking global das mais importantes petrolíferas. E se não bastasse essa vergonha internacional, então que ele pagasse agora por uma ação da empresa o que elas valiam quando ele assumiu a presidência da Petrobras, no tempo em que o petróleo era nosso.  

A Petrobras despencou cerca de 400 posições no ranking das maiores empresas do mundo, divulgado pela revista americana Forbes. A estatal brasileira que já custou mais de R$ 150 bilhões, ocupa atualmente a 416ª posição, avaliada em US$ 44,4 bilhões. Só no Brasil da Silva, um finório com essa periculosidade continua andando à solta por aí.