O medo

TENHA MEDO DO QUE O GOVERNO PODE FAZER COM VOCÊ. NO BRASIL GOVERNAR É SATISFAZER NECESSIDADES FISIOLÓGICAS.

20 de jan de 2015

MAIS UM COMPANHEIRO BOM E BATUTA

Sergio Gabrielli foi presidentão da Petrobras, até que Dilma Vana o trocou por Graça Poster.

A Operação lava Jato bloqueou seus bens porque ele é um dos citados pelo delator premiado, Paulo Roberto Costa.

Agora, Gabrielli entrou na Justiça pedindo o desbloqueio e que retirem seu nome do livro de ouro do maior bunga-bunga com a coisa pública já descoberto nesse país.

Se não levar o que pediu, Gabrielli vai querer que a Justiça responsabilize o Conselho de Administração inteirinho que aprovou a negociata da refinaria de Pasadena.

Isso quer dizer pouca coisa: Dilma Vana era a presidente@ do Conselhão naqueles anos dourados; e Lula, então presidento do Brasil, era o maior responsável então por esse patrimônio nacional, hoje dilapidado e combalido, à beira da desmoralização.

Gabrielli não é o que o governo do PT poderia chamar de dedo-duro; ele apenas está pondo em prática o que aprendeu com o presidente de honra do partido que, toda vez que se aperta, diz que não foi ele e mete o companheiro mais próximo em cumbuca.


Não, Sergio Gabrielli, não é dedo duro; é só mais um companheiro bom e batuta. E, por favor, não fiquem procurando rima fajuta.