O medo

TENHA MEDO DO QUE O GOVERNO PODE FAZER COM VOCÊ. NO BRASIL GOVERNAR É SATISFAZER NECESSIDADES FISIOLÓGICAS.

28 de nov de 2013

OUTRA PIADA DE SALÃO
Delúbio Soares tinha mais do que única piada de salão. Agora se sabe que ele tinha um acervo completo de chistes, brincadeiras de mau gosto, deboches e gandaias. A mais recente é que ele acaba de ser convidado pela CUT, Central Única dos Trabalhadores para "atuar no setor de formação sindical". Vai dar aulas de como se usa a grana não-contabilizada. E então a gente fica sabendo porque as manifestações de rua promovidas pela CUT tem tido só meia dúzia de gatos pingados. Gatos mesmo.

Nilton Santos e o colega

Tanto quanto um bom contador de histórias, tanto quanto um espirituoso piadista, Nilton Santos era um personagem fantástico de sua própria existência. Eu o conheci por intermédio do jornalista José Cruz, mais que amigo meu irmão de fé de todas as horas.

Certa feita, estávamos enfileirados nas poltronas do plenário da Câmara dos Deputados, num dia em que Nilton Santos seria homenageado. Eu estava ao lado esquerdo de Nilton Santos, do seu lado direito estava o Cruz e na outra poltrona mais pra lá, estava o saudoso e querido amigo Jorge Martins, presidente da Associação dos Cronistas Esportivos de Brasília, ghost writer de Nilton durante anos na coluna "A Enciclopédia do Futebol", editada muitos anos pelo Correio Braziliense.

Enquanto a mesa não o chamou para as honrarias previstas no palco iluminado do Parlamento, aquela fileira onde estávamos virou um ponto de atração irresistível.

Era uma romaria permanente de deputados ex-atletas, deputados cartolas, deputados da bancada da bola querendo abraçar Nilton Santos, prestando suas prévias e pessoais homenagens ao craque mais humilde e despojado de vaidade que já vi na vida e no futebol mundial.

E Nilton, humilde e simples, a todos respondia e correspondia com sorrisos e abraços sinceros, mas acanhados, como era de seu feitio.

E veio então, mais um deputado abraçar Nilton Santos. Dessa vez, era Giovani, aquele mineirinho boim de bola que jogou no Vasco e acho que no Cruzeiro e no Atlético também. Veio com respeito e abraçou com evidente veneração ao craque botafoguense e da Seleção Brasileira:

- Parabéns Nilton... Você merece todas as homenagens...
- Obrigado - e, sem reconhecer o jogador/deputado evitou falar seu nome - brigado, muito brigado...
- Giovane, eu sou o Giovane.
- Brigado, Giovane; muito brigado.
- Eu tenho muita honra de abraçá-lo como colega... - identificou-se o deputado querendo dizer que era boleiro, que era do ramo.
- Ora, você é muito gentil. Muito brigado.

Giovane logo despediu-se como se estivesse muito ocupado e tivesse outras coisas para fazer. Mal tinha se afastado dois ou três passos, Nilton Santos virou-se para mim e sussurrou:

- Ué, colega? Hi, eu não sabia que sou deputado...

E, como se não tivesse dito nas entrelinhas daquele curto diálogo que Giovane, baixinho e já gordo pela vida pública, não tinha pinta nenhuma de craque de bola, sentou-se com um sorriso comedido, um ar irônico e matreiramente simples nos olhos atentos à movimentação que antecedia a cerimônia em sua homenagem.

Nilton era assim. Simples e objetivo, como se estivesse o tempo todo jogando bola com cada momento da sua vida.
MAIS QUE ENCICLOPÉDIA

O lateral Nilton Santos ultrapassou o ponteiro esquerdo Zagallo e marcou o gol que consagrou o placar de 3 a 0 contra a Áustria, em Uddevalla, pela Copa do Mundo de 1958. O gol foi genial, como genial sempre foi o seu autor.

E foi assim que Nilton Santos inventou uma das últimas novidades táticas do futebol brasileiro - que 20 anos depois, em 78 na Copa da Argentina, Cláudio Coutinho batizou de overlaping.

De lá pra cá, a grande inovação tática dentro de campo não veio da sapiência e nem da cachola de nenhum técnico profissional: foi o gol de bola parada, invenção de Didi, Zico e Roberto Dinamite, aperfeiçoada por Rogério Ceni, criador do goleiro-goleador no País do Futebol. Nilton Santos era mesmo genial. Mais do que a Enciclopédia do Futebol, ele era a sua mais simples tradução.
MENSALEIROS
Enquanto uma junta de peritos em hotelaria avalia os efeitos nocivos e inflacionários de Zé Dirceu no mercado de gerência administrativa no ramo, o corrupto mais valorizado do país já apresentou ao seu patrão no Saint Peter Hotel, a primeira grande inovação: a hospedagem deixará de ser paga em diárias; serão cobradas por mês. A partir de agora os hóspedes do Saint Peter serão mensaleiros.

AÉCIO, O BOCÓ
Aécio Neves é, certamente, um trunfo tão grande para a reeleição de Dilma quanto Zé Serra sempre foi o grande cabo eleitoral de Lula para qualquer tipo de eleição. Agora, num desses palanques quase vazios que anda ocupando por aí, Aécio resolveu mostrar que o Bolsa Família foi criado por FHC. O cara é mesmo um bocó. Está livrando a cara de Lula e de Dilma da vergonha de terem implantado no país a maior legião de desempregados, viciados em ócio e voto de cabresto da América Latina e do mundo inteiro. Há 10 anos o programa paga a mais de 14 milhões de chefes de família para não trabalhar e não procurar emprego. Não tem jeito mesmo, Dilma vai ganhar a eleição no primeiro turno, mesmo que o Brasil perca para o Uruguai a Copa de 2014.

ORA BOLAS
O Flamengo bateu o Atlético de Paulo Baier por 2 x 0 e ficaou com mais um título da Copa do Brasil que tem o valor agregado de botar o seu honroso campeão na Taça Libertadores. Já o São Paulo conseguiu mais um desfeito para o desfecho da carreira do interminável goleiro-goleador Rogério Ceni: foi despachado da Copa Sul-Americana pela Ponte Preta, time que está com um pé na Série-B. De bom mesmo, nesta rodada, só mesmo o embargo das obras do Itaquerão, a maior maracutaia da história do futebol desse país.

NILTON SANTOS, A ENCICLOPÉDIA


E lá se foi ao 88 anos de idade, Nilton Santos, a Enciclopédia do Futebol. O "inventor" do overlaping no futebol brasileiro. A foto é de 1998, na AABB de Brasília, onde então Nilton realizou palestra promovida por minha agência de marketing. O pelotense Renato Fonseca - já falecido - era diretor de comunicação do Banco do Brasil.

27 de nov de 2013

O CARDIOPATA E O LOUCO
Enquanto as juntas médicas comprovam que Zé Genoíno é um cardiopata cascateiro, Zé Dirceu inflaciona o mercado de gerentes de hotel em Brasília. Junta de hoteleiros pensa emitir boletim oficial atestando que o salário do corrupto ativo Zé Dirceu, novo gerente-administrativo do Saint Peter Hotel, é coisa de louco. Trata-se de doença mental. Gestores baratos de hotelaria - portadores de salários mensais em torno de R$ 1.800 - já recomendaram, como medida de economia, encurtarem o tamanho dos lençóis, já que todo mentiroso tem perna curta. E mentiroso é que não falta nesse Brasil da Silva.

BOLETIM MÉDICO
O boletim advocatício de Zé Genoíno acaba de falecer diante dos boletins médicos da UnB e da Câmara dos Deputados. Ficou atestado que Genoíno não tem cardiopatia grave que justifique uma aposentadoria. Mais que isso, Genoíno não tem cardiopatia grave e nem folha de trabalho ou qualquer serviço prestado durante a existência que lhe permita aposentar-se.

FILHA DO PAI
Diante do laudo da junta médica da Câmara, a filha Genoíno, revoltou-se e disse que "agora sim, Joaquim Barbosa tem o que queria". Decerto tem. E ela tem o pai que merece.
COMISSÃO CONFIÁVEL NA CÂMARA
Enfim, uma comissão confiável na Câmara dos Deputados! A junta médica doméstica que realizou a perícia de Zé Genoíno, a pedido de Henrique Alves, presidente da Casa,  empatou com o laudo dos médicos da Universidade de Brasilia, solicitado por Joaquim Barbosa: a cardiopatia do astuto mensaleiro não é bastante para lhe proporcionar a cobiçada aposentadoria por invalidez, desarranjo intestinal permanente, ou pelo simples golpe do João sem braço. Na verdade, os dois atestados decretam a morte súbita do mentiroso que mora no peito de Genoíno. As juntas decretaram que Zé Genoíno sofre de dois males incuráveis: um, ele não acredita em si mesmo; outro, ele não é acreditado por mais ninguém.
ESTÁ VALENDO A PENA

antes na história desse país ficou tão provado quanto agora nessa fase de execução das penas aos quadrilheiros do Mensalão, como Zé Genoíno e Zé Dirceu são embuçados, mentirosos, hipócritas e ardilosos.

Eles estão fazendo hoje - Genoíno com um falso infarto e Dirceu com um falso emprego de gerente de hotel - o que sempre fizeram: usam a lei como escudo para arrepiar a lei com suas arapucas e dissimulações .

O julgamento e a condenação dos malfeitores da coisa pública pelo Superior Tribunal Federal , quando por mais não fosse, só por isso já valeria como já valeu a pena. Mostra aos brasileiros que cadeia já assusta os finórios de elite que governam esse País.

E revela também que, mais do que passarem escondidos um bom tempo atrás das grades, eles padecem hoje a humilhação de se revelarem como mendigos de juntas médicas e sofrem a vergonha de serem súditos de donos de hotéis de fachada nessa República inventada por eles para eles mesmos.

26 de nov de 2013

ORGANISMO PUTREFATO
Só pra você ver no que é mesmo que esse Brasil da Silva está virado. A junta médica da Universidade de Brasília que fez para o STF a perícia da alegada cardiopatia de Zé Genoíno, não deu em nada pelo simples fato de que a enfermidade não tem gravidade nenhuma: o moribundo não precisa ficar em casa por causa da doença que não tem. E Zé Dirceu, o corrupto ativo condenado pelo STF vai ganhar um salário de R$ 20 mil como gerente-administrativo do Saint Peter Hotel. O gerente que perdeu a boca por causa de um presidiário ganhava R$ 1.800 mensais. Com isso descobre-se apenas que as pústulas sociais não são apenas o mensaleiros e sua metamorfose ambulante. O Brasil da Silva é um organismo putrefato de cabo a rabo, de fio a pavio.
BRASIL X URUGUAI, FINAL DA COPA

Trazer a Copa do Mundo para o Brasil em 2014 foi um dos golpes mais vorazes e imorais que o governo Lula aplicou na alma esportiva nacional. Foi um tronchaço na ingenuidade dos fanáticos do País do Futebol e uma esputação salivar na própria Pátria de Chuteiras.

Vejo agora Felipão incorporando o espírito de patriota zagallesco e se achando o último biscoito do pacote, reverberando seu amor ao país que enfrentou quando escolheu ser treinador de Portugal e se dizendo desde já favorito de uma competição que, por se realizar às vésperas de uma eleição presidencial, pouco terá de futebol e muito terá de compromisso eleitoreiro. 

Cada gol do selecionado da CBF será uma centena de cartolas acenando para as urnas. O futebol, paixão e preferência nacional, será usado como nunca antes na história desse país para escalar criaturas e criadores na equipe de treinadores tão duros e tão sem ternura quanto os felipões que eles escolhem a dedo.

E já que o Brasil se ajoelhou diante dos pata-duras da nossa politicagem sem programa de governo, mas cheia de planos de poder, só resta rezar. E eu rezo - rezar é demais para meu agnosticismo - eu peço, fervorosamente, que 2014 tenha, ao fim e ao cabo, uma final tipo assim 1950. Um portentoso e idêntico Brasil x Uruguai. 

E já que a Seleção da Cartolagem só tem Neymar e eles nem contam mais com o Obdúlio Varella - que a história se repita. O jeito que der para ser refeita. Para fazer justiça ao esporte. E acabar com a canalhice que cobre com futebol a lama que escorre das rampas do poder. Dale Uruguai! Dale Celeste Olímpica!
A JUNTA QUE RESOLVE

Uma junta médica da Câmara dos Deputados - que não nos representa, mas representa muito para eles mesmos - examinou Zé Genoíno sem autorização judicial. A coisa foi feita sem pedir licença para ninguém, porque para a Câmara dos Deputados, não há necessidade de coisa alguma quando o caso é tão grave quanto aposentar um confrade.

E não há necessidade mesmo, a perícia foi feita especificamente para servir de base para a decisão sobre aposentadoria por invalidez para o depauperado colega mensaleiro.

Já a junta médica que atestou que Zé Genoíno não havia sofrido infarto coisa nenhuma, teve outra finalidade. Foi realizada com fins específicos de averiguar se o malfeitor volta para a cadeia ou tem que se fingir de doente em casa. Uma coisa não tem nada a ver com a outra. cada galo canta no seu terreiro.

Então, por isso mesmo, nesta semana ainda deverá sair a aposentadoria tão almejada por Zé Genoíno. De outra parte, a qualquer momento deve sair a decisão de Joaquim Barbosa, em nome do STF, sobre o lugar ideal para um corrupto passar da maneira justa os seus dias, sua noites e suas risonhas primaveras.

Para um trabalhador brasileiro não há um junta médica sequer à vista quando ele precisa de tratamento; para uma cavalgadura de estatura parlamentar até uma junta de bois resolve.
O FUTEBOL É UM BOLAÇO

O futebol brasileiro é mesmo um bolaço. Está na gaveta dos cartolas. O meio de campo da Seleção da CBF só tem cabeça-de-bagre e o Felipão diz que vê o futebol de Ganso, mas prefere o Hulk.

O Tite ganhou tudo que os corintianos esperavam ganhar na vida, fez um trabalho sério e foi dispensado. OGilson Kleina, pegou o time medíocre do Palmeiras e foi campeão da Segundona só para ser colocado no olho da rua.

Felizmente, Mano Menezes que não ganha de ninguém nem nada há 200 anos, foi contratado pelo Coringão. Se já era bom torcer contra o Corinthians, agora então, nem se fala.

E ainda falta o Vanderlei Luxemburgo reencetar sua desabalada carreira rumo a nenhum título internacional. Acho que ele tem tudo para ser presidente de um partido político.
PLANALTO DÁ DE GOLEADA NA CASA BRANCA

A Casa Branca, sede do governo dos Estados Unidos, tem 460 servidores para administrar o maior orçamento do mundo; o Palácio do Planalto, tem mais que o dobro, são 4 mil e 600 funcionários.

Contando a turma da Vice-Presidência e secretarias ligadas à Presidência da República, o contingente de ocupantes de bocas-ricas no Planalto vai para 8.861 diligentes servidores. E aí você não sabe por quê a dívida pública do governo Brasil da Silva é de R$ 2 trilhões e 22 bilhões.

Não é nada, não é nada, esse mundaréu de cargos nasceu e foi criado para farta distribuição, sem nenhum concurso, para dirigentes e militantes do PT e seus aliados.

Mas não é só isso, lá nos Estados Unidos, Barack Obama mora e trabalha na Casa Branca. No Brasil da Silva, Dilma HaVana desfruta dos palácios do Planalto e do Alvorada e, de quebra, conta para os feriados e dias santos de guarda com a Granja do Torto que, desde que Lula trocou a rampa pelo escritório-chatô de Rose, em São Paulo, não promoveu mais a festa do Arraiá. (Fonte de números e dados: blog Cláudio Humberto)

DIRCEU, O GERENTE
Zé Dirceu não é fácil. Mais arguto que Zé Genoíno, ao invés de fingir um infarto está simulando um emprego. Acaba de solicitar ao Supremo Tribunal Federal, autorização para trabalhar durante o dia no hotel Saint Peter, como gerente administrativo.O estabelecimento quatro estrelas fica no Setor Hoteleiro Sul, na região central de Brasília, próximo da Esplanada dos Ministérios e do Palácio do Planalto. Como gerente administrativo ficará encarregado da agenda de eventos. Alguém aí quer apostar que o próximo evento não será uma Cúpula Nacional do PT 12 Anos no Poder?!?
O QUE NÃO É PROIBIDO...
Para o presidente eleito da Associação dos Magistrados do Brasil (AMB), João Ricardo dos Santos Costa, Joaquim Barbosa cometeu um "canetaço" no caso que ele, como todo mundo pensa, se tratar da substituição do juiz Ademar Vasconcelos, da Vara de Execução Penal do DF, pelo juiz filho de tucano Bruno Ribeiro. E precipitou-se: "Pelo menos na Constituição que eu tenho aqui em casa não diz que o presidente do Supremo pode trocar juiz, em qualquer momento, num canetaço". Ora, talvez não diga mesmo. Mas também não diz que não pode. Assim sendo, nesse jogo não vale o que não está escrito. E o que não é proibido é permitido. Mas nem é o caso. Barbosa só repartiu funções entre os dois magistrados. E isso pode, Até facilita, né não?!?
O BRASIL DEVEDOR

No Brasil da Silva, país campeão mundial em arrecadação de impostos a dívida pública voltou a ultrapassar neste outubro vermelho os R$ 2 trilhões. Dito assim, parece que não é grande coisa. Mas é.

Você e a torcida do Corinthians só precisam saber que dívida pública é o que o governo deve lá fora e o que está devendo para a população brasileira em serviços essenciais e para bancos e instituições financeiras, porque gasta mal e gasta demais.

A dívida nacional do governo cada vez aumenta mais pelas belezuras que o governo comete com bolsas tipo família, cotas disso e daquilo, inventando ministérios, criando cargos e salários, terceirizando o país de cabarrabo, no mais extenso e interminável cordão de puxa-sacos da história do Brasil.

É só isso que você precisa saber quando lê nos jornalões ou vê nas telas da TV que a dívida pública de mais de R$ 2 trilhões é só mais um recorde de arrombamento do Tesouro Nacional desse país que o governo nos passa como se fosse um Brasil Maravilha.

25 de nov de 2013

28 ANOS DE AEDES AEGYPTI

E então acabou a ditadura militar e instalou-se no Brasil o movimento de redemocratização. Isso começou de fato, em 1985, com Zé Sarney subindo a rampa do Palácio do Planalto no lugar de Tancredo Neves que foi, em tudo e por tudo, o presidente brasileiro que menos errou no exercício do cargo.

Sarney assumiu, mas não foi enfaixado pelo turrão general João Baptista de Figueiredo que, acima de tudo, gostava de cheiro de cavalo.

De lá pra cá, a democracia foi reconstruída, reeditada, reinventada por luminares como Fernandinho Beira-Collor destampado por Itamar Franco, O Breve; por Fernando Henrique Cardoso, O Príncipe dos Sociólogos (!); por Lula da Silva, O Metamorfose Ambulante e agora, por dona president@ Dilma HaVana, A Inominável.

Pois bem, de lá pra cá, a turma não teve tempo para dar a devida atenção e o necessário e obrigatório uso à grana infinita que a maior carga tributária do mundo poderia e deveria empregar em matéria de esgoto tratado nesse país. Apenas 1/3 da população contam com essa 8ª maravilha mundial, o esgoto tratado.

Quer dizer, só nesse item de fracasso governamental, nada menos de 130 milhões de brasileiros estão acuados pela mosquitama a céu aberto. O governo não se importa. Em vez de esgoto, o Ministério da Saúde edita propaganda enganosa na TV. Simples assim.

O governo deve achar que todo mundo aguenta bem uma picadura de mosquito. Afinal, é só uma picadurinha do inseto mais fashion aqui do lado debaixo do Equador, o Aedes Aegypti. Quer mosquitinho mais charmoso que esse? Esse Brasil da Silva é mesmo dengoso.
GENOÍNO, O CAÇADOR
Pronto, o mensaleiro Zé Genoíno está quase bom. Curou-se de um infarto que não teve e baixou a pressão que estava alta. Saiu da Papuda e foi para o hospital; saiu do hospital e foi para a casamata de uma filha no Distrito Federal. Mas, nem tudo é o que parece. A luta continua, companheiros! Esta segunda-feira é o primeiro Dia do Caçador. Dali, do bunker familiar, ele vai à caça da aposentadoria antes que seja cassado. E o Brasil inteiro faz papel de bobo diante desse esmurrador de céus de brigadeiro.

DIGA LÁ
Do que é mesmo que você tem mais saudade: da Rose, primeira-dama do governo Série-B de Lula; dos blackbostas na rua; da transposição do rio São Francisco, ou das seis mil creches que Dilma prometeu e se esqueceu de fazer?

CADEIA, O PROGRAMA
Não aguento e vou repetir: como a cadeia fez bem para os mensaleiros do PT. Nunca antes na história desse país tanto petista andou à cata de trabalho - emprego eles têm - como essa facção que está homiziada na Papuda. Taí ó, a cadeia talvez seja o próximo grande programa do Ministério do Trabalho do governo Dilma para 2014.

EMBALA O BERÇO
Dilma brusca e preconceituosa: "A sociedade é sexista e preconceituosa". Uepa! O governo reparte a nação em castas distribuindo bolsas sociais, liberando homem com homem - mulher com mulher, inventando cotas raciais para educação, saúde, futebol, transporte seletivo e ainda vem dizer "toma que o filho é teu!". Quem pariu essa criatura que embale o berço.

AÍ TEM
Querendo contestar a oposição  que tem caraminholas na cabeça com relação ao bolsa-família, Rui Falcão presidente do PT diz que com os opositores no poder o programa-xodó do partido estaria a "perigo". E então explica o que osbrasileiros já estão sabendo há mais de dez anos: "Hoje, quase 90% dos adultos do Bolsa Família trabalham". Ah, bom. E a gente aqui, pensando que a regalia era só para desempregados... Aí tem.

O pavio curto de Barbosa

Se Joaquim Barbosa não tivesse o pavio tão curto, não teria se precipitado fazendo de um magistrado uma estrela cadente para colocar o juiz Bruno Ribeiro atucanando a execução das penas dos mensaleiros que já tomaram conta do sistema carcerário no Brasil da Silva.

Fosse mais sutil do que expedito, Joaquim Barbosa gozaria logo, logo o prazer de ver Zé Dirceu e sua facção amargando a ira do Comando Vermelho, PCC e bandos similares do crime organizado dentro do presídio da Papuda.

É que ninguém ainda foi lá na barra do mais alto tribunal de justiça do País e disse para o presidente do Supremo que essas regalias todas, esse regabofe descarado, essas visitinhas íntimas, essas excursões de deputados e senadores e até de uns que outros governadores à vida de cárcere dos companheiros bons e batutas estão pegando mal para o prestígio das facções criminosas mais antigas da rede presidiária do País.

Comando Vermelho, PCC e genéricos estão se sentindo desmoralizados dentro de cada cela, de cada cubículo sem ar condicionado, sem comidinhas especiais, sem chuveiro quente, sem cama para dormir...

Não é nada, não é nada, os meliantes veteranos já não têm como explicar porque Dirceu, Genoíno e sua caterva mensaleira chegaram por último no avião e já foram logo sentando nas poltronas que ficam perto da janelinha.

Então, é disso que a gente tá falando: Joaquim Barbosa deveria deixar o barco correr. O crime organizado - só para mostrar quem é que manda na cadeia - acabaria em dois tempos com a alegria dos mensaleiros. Era vapt-vupt e o sistema penitenciário do Brasil logo estaria com a ficha bem mais limpa. E muito ladrão de elite usando aliança de barbante no dedo anular, adereço emblemático de quem tem noivo lá dentro.

Joaquim Barbosa, ao trocar Ademar Vasconcelos por Bruno Ribeiro na execução das penas dos malfeitores condenados no mensalão, apenas prolongou a vida boa e livrou a cara de quem já estava na alça de mira das facções criminosas mais antigas da Papuda.

24 de nov de 2013

PRIVILÉGIOS
O meu filho teve pressão alta ontem. Foi coisa assim de 15 x 18. Acho que vai ter que ir para a Papuda. Pelo menos vai ter o mesmo tratamento que Zé Genoíno teve por parte da medicina e da Justiça brasileiras. Sei lá, sinceramente, se isso é bom ou ruim para ele. Na melhor das hipóteses, serei um pai desnaturado. E ele, um filho cheio de privilégios.
O INTERLOCUTOR
Não se espante. Antonio Palocci - corrido bondosamente da Casa Civil da Presidência por pelo menos "enriquecimento ilícito" - vai ser o interlocutor da crise entre o Palácio do Planalto a e os empresários. Mais que a voz da Esplanada ele é cara do governo Dilma. A cara e as digitais também.

FOI O MORDOMO
Você tá sabendo da viagem aérea a pé que o mensaleiro ítalo-brasileiro Henrique Pizzalato fez para um lugar incerto e não sabido lá na bela Itália... E sabe do rolo de um registro falso que apareceu no aeroporto JK atestando que o meliante de dupla cidadania teria viajado de avião e coisa e tal. Pois agora, a Polícia Federal já está elucidando o imbróglio de vez uma vez por todas. Já sabe que o bandido é o mordomo. Suspeita que um funcionário terceirizado do aeroporto facilitou a fuga do condenado. Mais que isso, já identificou o cara que, como sempre acontece com a arraia-miúda, deverá ser preso a qualquer momento. Talvez até, antes que fuja para a Velha Bota.
O VASCO JAMAIS SERÁ O PALMEIRAS

Que campeão brasileiro quê nada! O Cruzeiro virou pano de prato do Vasco da Gama. Tomou só dois a um porque o time de São Januário insiste em voltar para a Série-B, único lugar onde pode almejar mais um tradicional título de vice-campeão no ano que vem.

A verdade é que time que nasceu para ser Vasco jamais chegará a ser Palmeiras, clube favorito ao tricampeonato da Segundona depois desse tresloucado retorno à divisão principal do futebol brasileiro.

O Cruzeiro mereceu perder. Teve o caradurismo de entrar em campo exibindo na cara da gente uma faixa provocativa: "Combata o câncer de próstata". Pô que confianças são essas? Tá, eu combato. Mas como é que eu faço?.. Vou pro tal de toque-toque?!?

Bolas, fiquei com a impressão que estavam me cutucando; que me mandaram tomar sei lá aonde. E,por cima, o Vasco ainda tem um atacante que se chama Abuda! Sinceramente, achei um abuso.

Não é porque um time ganha um campeonatinho mixuruca como esse Brasileirão que pode chegar assim, mandando a gente longe. Ora, afinal, os vascaínos são casados e têm filhos!

Mas enfim, faltando um ou dois joguinhos para acabar o certame, em verdade vos digo: esse não é o Vasco da Gama que eu conheço. Esteve irreconhecível. Ganhou do reles campeão brasileiro. Mais do que um Palmeiras, o meu velho Vasco da Gama neste sábado parecia até um tal de Fluminense.

23 de nov de 2013

PERFIL LOMBROSIANO
Nessa balbúrdia toda que se criou em torno do bárbaro assassinato do menino Joaquim de três anos de idade, em Ribeirão Preto, uma figura me provoca os mais primitivos instintos: Natália Ponte, a mãe do garoto. Ela me parece tão dissimulada e fria quanto esse Rafael Longo tido como padrasto da inocente vítima. Ele tem cara de prostituto e drogado. Ela tem todo o jeito de ser sua alma gêmea. Sei lá, mas essa dupla me remete à velha teoria do criminalista italiano Cesare Lombroso: o criminoso estampa sua alma na própria cara.

BARBOSA PAGA O PATO
Joaquim Barbosa - estampam as manchetes dos jornalões deste sábado - faz pressões sobre juiz responsável pela execução das penas dos mensaleiros. E assim é que, o ministro negro indicado por Lula para o STF por ser negro, vai pagar o pato uma vez mais. A mídia patrocinada pelos mais poderosos organismos governamentais relega a segundo plano a des/propositada negligência do juiz que guarda mal e porcamente a Papuda para as mordomias e regalias debochadas que Zé Dirceu e seus mensaleiros gozam no complexo penitenciário do Distrito Federal.

O POLICIAL E O FLANELINHA
Flanelinha morre baleado por policial civil no Leblon, zona sul do Rio de Janeiro. Tá, sabe-se lá por que foi que se deu o crime. Certamente o policial não estava roubando seu próprio carro; decerto o flanelinha, poderia estar cobrando um "paninho" do dono do carro. De qualquer maneira, flanelinha é um jeito simpático e singelo de chamar os integrantes de uma gangue que toma conta dos espaços públicos em qualquer cidade desse Brasil da Silva. Dito assim desse jeito, flanelinha parece sempre uma criatura dócil e de boa paz. Então, pronto! Um policial matou um flanelinha. E então, vida que segue: tente deixar seu carro nas cercanias do Maracanã, sem pagar o flanelinha que eu quero ver.

Pedágio terceirizado é governo preguiçoso e corrupto

Acompanho, a distância, a luta de meu sobrinho, Marcus Cunha, hoje vereador em Pelotas - a "pátria pequena que deixei aí no Sul" - contra o pedágio nas rodovias. De Brasília, não costumo pautar nos meus espaços de mídia assuntos relacionados com o cotidiano da cidade onde já não moro há muito tempo.

Essa questão dos pedágios, do entreguismo da coisa pública - as rodovias - para particulares é, no entanto, matéria nacional. Por isso, lembro aqui ainda dos tempos do programa "O 4° Poder", na primeira Rádio da Universidade Católica de Pelotas, o quanto tentei mostrar a banalização do escândalo nesse país que tem como uma de suas logomarcas o pedágio nas rodovias.

Em princípio já acho e sempre achei que cobrar pelo direito de ir e vir pelo Brasil afora ou adentro, a pé ou de caminhão, ônibus e patinete, é uma ignomínia. Um deboche, um descalabro. Mas, diante da confessa e explícita incompetência de administrar o bilhões que o governo arrecada em impostos, se tivermos que pagar pela manutenção das estradas, vá lá que se pague.

O que não se pode admitir é que um governo - todo governo que temos sofrido, da ditadura a essa tal redemocratização de araque - não faça ele próprio esse controle. O que não se pode aceitar - e a nação já assimilou esse golpe - é a terceirização do pedágio. Afinal, cada posto de pedágio não é mais que meia dúzia de cubículos que custam uma miséria, em termos de obra e construção e até de custos trabalhistas.

Bolas, se uma empresa particular pode administrar essa meia dúzia de cabines e essa meia dúzia de gatos pingados, por que o governo não pode - ele mesmo - fazer isso e com isso ganhar milhões, e manter as estradas em dia; e mostrar que sem roubar é capaz de fazer algo de bom e de útil pela sociedade que o sustenta?!?

Dizer que estatizar o pedágio é impossível porque o governo é corrupto, não vale. Notem que já temos até mensaleiros na Papuda! É só mandar os futuros ladrões dos postos de pedágio pra cadeia.

Pedágio repassado a particulares, pedágio terceirizado é confissão aberta e descarada de governo preguiçoso, sem noção e incapaz de controlar sua natureza corrupta.

A lei continua valendo

Na quinta-feira, escutei Lula de voz exaltada na rádio Jovem Pan, de São Paulo. Era um encontro  e vice-prefeitos em Santo André, no ABC Paulista, bem onde há bom tempo mataram o prefeito petista Celso Daniel e onde tudo ficou por isso mesmo.

O que é mesmo que Lula estava fazendo lá, só deus e o diabo na terra do sol devem saber. Afinal, Lula não é prefeito, não é vice e nem tampouco é presidente da República. Deve ter faturado mais um cachê de palestrante, pra não perder o costume. Dizer que estava lá para consolidar a candidatura de Alexandre Padilha, não vale. Pode ser, enfim, a única verdade do notável encontro.

E então, como a gente ia dizendo, Lula regorgou saltitante como se um sapo sem barba fosse. Dessa vez o alvo foi o STF a quem prometeu que "a resposta sobre a prisão dos companheiros mensaleiros será dada com o segundo mandato da president@ Dilma".

Lula se esbaldou. Disse que a lei brasileira só serve para o PT. Epa! Pois não é que é mesmo?!? Mas não foi isso que ele quis dizer. Lula exercitou uma vez mais a sua perícia na arte da distorção de tudo que não lhe sirva ou não lhe agrade.

E foi em frente: "Nós temos companheiros condenados a uma sentença dada. A pena de cada companheiro foi determinada. Agora, não pode tripudiar em cima da condenação das pessoas. Tem uma lei, uma decisão. O que nós queremos é que a decisão seja cumprida como foi determinada". Nesse ponto, Lula foi mais Lula do que nunca antes na história desse país.

E se esbaldou e foi criativo inventando uma frase que nunca foi dita antes por nenhum criminoso no mundo inteiro:  "Para nós, todo cidadão é inocente até que se prove o contrário".

E eis que depois desses esforço inaudito de criatividade mental, Lula concluiu: "Na hora que for comprovado irregularidades (Sic), seja meu parente ou meu adversário, a lei é para todos. Isso vale para nós e vale para eles. Agora me parece que a lei só vale para o PT".

E continua valendo!

RODAPÉ - Lembrei da história do caminhoneiro implicante que, no centro da capital do seu estado, foi parado pelo guarda de trânsito que não gostou da frase impressa no parachoque: "Eu quero é rosetar". Foi obrigado a trocar a mensagem, sob pena de não transitar mais por aquela cidade. Foi a uma oficina de pintura e trocou a frase do parachoque. No dia seguinte passou faceiro pelo policial que nada pôde fazer quando leu o novo recado na frente do caminhão: "Continuo querendo!".
MOEDA CORRENTE
Dilma HaVana, ministro da Defesa Celso Amorim e comandante do Exército, Enzo Peri fazem cara de paisagem quando a discussão é cassar a medalha do Pacificador, concedida a Zé Genoíno que é um condenado na Justiça por “crime ou atentado contra o erário”. Isso é falta do que fazer. 

Deixa o cara com a medalha. Essa honraria hoje é uma besteira, um gesto de inclusão social que pretende aproximar o Exército do povo, sem deixar de mostrar a superioridade que a soldadesca tem no trato com a sociedade civil, tanto é que o Exército é quem escolhe aqueles a quem julga merecedores de tamanha deferência. 

A farta distribuição do mimo a finórios enganadores do povo - consulte a listagem dos agraciados - dá hoje à medalha do Pacificador o status de moeda de duas caras. Deixa o Genoíno com a medalha. E dá uma também para o Zé Dirceu.

VOLTA PARA A PAPUDA
E então, o ataque fulminante iminente de Genoíno era só pressão alta. Bolas, há mais de 20 anos o Dr. Odilson me operou do coração e eu tô que tô e quero é mais... O que esse Artista do Araguaia está fazendo é o Estado gastar com ele mais tempo e dinheiro do que deve. Isso é engodo, mentira, jeito de guerrilheiro urbano se fingir de doente para passar bem. É um péssimo comportamento. Pronto, já fraudou umas das exigências para ser favorecido com a prisão em regime semiaberto. Já devia estar na penitenciária da Papuda há muito tempo. Em regime fechado. E, claro, com a devida assistência médica do SUS que, como diz Lula, "está à beira da perfeição". De preferência, cuidado pelos servis cubanos.

POLÍTICO, UMA PINOIA!
Se o julgamento dos mensaleiros foi "político" - do jeito petista de pensar -  então trata-se de mais uma trapalhada do governo. Dos 11 ministros que integram o STF, nada menos de oito deles foram escolhidos a dedo por Lula e por Dilma e até pelo petista fanático. Os outros três foram apontados por Sarney, Fernandinho Beira-Collor e FHC. Então, "político", uma pinoia! Os ministros do Supremo - salvo horrorosas exceções - fizeram justiça, nada mais do que justiça.

LULA E A CERVEJARIA
Nem se sabe bem por quê, Lula esteve na cerimônia de inauguração da fábrica de cerveja Itaipava em Alagoinhas. Foi bom ter ido lá, pois ele aproveitou para dar um agulhaço a mais no Zé Serra que, cá pra nós, bem que merece. Conta a mídia engajada que Lula, olhos brilhando e voz sibilante, cutucanou: "Quando eu era presidente, incomodava muita gente porque ia em inauguração de tudo quanto é fabrica. O Serra falava assim: 'o Lula vai até em cerimônia de empréstimo do BNDES. Eu ia porque queria participar de coisas positivas". Pois é, dentre as mil festas de inauguração da pedra fundamental de qualquer coisa, está ainda como um desastre a céu aberto a notável transposição do Rio São Francisco. O que será mesmo que Lula foi fazer numa inauguração de cervejaria?

TRANSFERÊNCIAS
A mais nova facção criminosa da Papuda está pedindo remoção para lugares próximos às residências de seus familiares e mais ainda nas cercanias de seus empregos. Trata-se, na maioria dos casos, de trabalho em escritórios de consultoria. Vai ver que a maioria fica por perto da empresa onde hoje está atuando o cidadão italiano Henrique Pizzalato.

22 de nov de 2013

Devolvam Genoíno para a Papuda

Primeiro, uma coisinha bem simples: Zé Genoíno não é preso político nem aqui nem em caixa-prego. Nem ele, nem Zé Dirceu e seus mensaleiros. Zé Genoíno, assim como Dirceu e seus sequazes foram presos pela democracia por corrupção; porque meteram a mão nas burras públicas.

Segundo, uma outra coisinha: de malfeitores iguais a Zé Genoíno com os mesmos sintomas e o mesmo jogo de cena que ele passou a sentir e a demonstrar, o sistema prisional brasileiro está cheio. Há pelo menos 6 ou 7 mil cardiopatas atrás das grades, em regime semiaberto que nunca mereceram e jamais vão merecer tratamento igual ao que Zé Genoíno está recebendo.

Se você quer saber, os médicos do Instituto de Cardiologia do Distrito Federal descartaram o alegado infarto de Zé Genoìno. O que é que ele tem que os outros bandidos não têm?!?

Caraca! Até o Argh!nelo Queiroz recrutou uma dúzia de deputados e foi visitar o artista do Araguaia na Papuda. E foi de helicóptero! Que país é esse em que os corruptos são todos iguais, mas uns são mais iguais que os outros?

Devolvam o Genoíno para a Papuda e chamem o SUS para tratar dele e de todos os outros malfeitores que estejam revelando os mesmos sintomas.

21 de nov de 2013

COPA DOMUNDO
Para quem vai torcer pela seleção dos cartolas da CBF na Copa do Mundo, duas desagradáveis classificações na última rodada das eleiminatórias: França e Uruguai. Dos franceses, somos fregueses; dos uruguaios, temos medo.

DA SUA NATUREZA
O estatuto do PT- ele tem estatuto - manda expulsar corruptos. O PT - ele tem corruptos - já mandou avisar que vai poupar os mensaleiros. Nada mais coerente, nem mais natural. Para o PT, Zé Dirceu, Zé Genoíno, Delúbio Soares não fizeram nada demais; não foram sequer além da rotina do partido. Para o PT de Lula, seu presidente de honra bem-remunerado e Rui Falcão, só presidente sem o epíteto de honradez, a práica dos mensaleiros condenados foi só o jeito de ser petista, coisa tipo assim da sua natureza.

GARRAFAS E LATINHASNo Dia de Zumbi, Fernando HaHaHaddad subiu no palanque em São Paulo só para ser alvo de vaias e de objetos tipo garrafas vazias e latinhas de cerveja idem. Injustiça! O cara está fazendo um governo tão bom...

20 de nov de 2013

Genoíno em Prosa e Verso

Eu cresci, dos cinco anos de idade aos 11 quando passei do curso de Admissão para o Ginásio, com um livro embaixo do braço, a "Seleta em Prosa e Verso". Naquele livro aprendi a ler e a interpretar contos; a versejar poemas breves; a devorar fábulas.

Uma historieta que me marcou foi a do menino que queria chamar a atenção sobre si e, num dia de praia, mesmo sem saber nadar enfiou-se na beira do mar, ajoelhou-se dentro d'água e com ondas leves à altura do pescoço fingiu que estava se afogando: - Socorro! Socorro! Não sei nadar.

Prontamente dois ou três banhistas nadaram em sua direção e realizaram o "salvamento". Frustram-se diante de todos, quando o garoto, rindo às escâncaras disse que estava brincando. Que sabia nadar, que ali era raso e que não estava se afogando. Pronto, conseguiu o que queria. Virou o centro das atenções.

Duas horas mais tarde, o garoto resolveu nadar de verdade. Atirou-se às ondas. Mentira até para si mesmo, não sabia nadar. Quando viu estava sendo tragado pelo mar. Em desespero, apelou para os veranistas que se divertiam na areia: - Socorro! Socorro! Não sei nadar! Estou me afogando!

Ninguém acreditou nele. Ninguém moveu um músculo, um olhar em sua direção. O corpo inerte e frio do menino foi encontrado na manhã seguinte a uma longa distância dali. A mentira o matou. Faltou-lhe credibilidade para salvar-se. 

E assim é também na vida dos mensaleiros. Tanto mentiram, tanto enganaram, tanto fizeram os outros de tolos que hoje, ninguém mais acredita, quando um deles - por detrás das grades de um cárcere - diz ou manda dizer que pode morrer a qualquer momento; que pode ter um mal-súbito; que seu estado de saúde é grave; que é cardiopata. Ao fim e ao cabo, a mentira não engana senão ao próprio mentiroso.
QUESTÃO HUMANITÁRIA

Dilma, a Bondosa: "Estado de saúde de Genoíno é questão humanitária". Ora, então é só providenciar atendimento pelo SUS ao nobre cardiopata. Os médicos cubanos estão aí pra quê?!?

Em todo caso, como se trata de uma ação humanitária, pode ser que o mais aconselhável seja mobilizar a ONU e a Cruz Vermelha. Não foi assim que a gente fez com Honduras? As nossas Forças estão lá até hoje... Sei lá, mas diante dessa patacoada toda a gente fica assim com a impressão de que o Zé Dirceu tá meio desgostoso com  a falta de coleguismo dos companheiros que engrossam as hostes do seu partido.

Primeiro, foi o Lula que telefonou dizendo que "estamos juntos", mas não deu as caras pela Papuda; agora vem o Genoínio e pula na frente com a desculpa de andar depauperado que Dirceu vinha elucubrando para si mesmo desde que o Mensalão foi parar nas mãos de Joaquim Barbosa. Ah, essa falta de solidariedade... Desse jeito não há mesmo como não ficar PT da vida.
CADÊ VOCÊ?!?
Cá pra nós e quem nos ouça: de quem você está com mais saudade, da Rose ou dos black blocs?
VENEZUELIZAÇÃO
O Congresso da Venezuela, herança engavetada do passarinho Hugo Chávez, deu ontem superpoderes a Nicolás Maduro. Ele passou de presidente constitucional a ditador institucionalizado. E você acha que o Brasil da Silva está muito longe disso? pergunte-se apenas, a quem o Congresso brasileiro tem servido de casa de tolerância nacional? A quem a Casa vem obedecendo cegamente nesses últimos 12 anos? O Congresso vem fazendo as vontades de quem? Do povo, já se sabe que não é. Então prepare-se, a venezuelização vem a galope. O governo já está montado no Marco Civil da Internet que Lula e Dilma estão querendo domar há muito tempo.

CBF 2 x 1 CHILE
Eita joguinho bem ruim. Nem Neymar salvou a pátria de chuteiras. O gol de cabeça feito por Robinho serviu apenas para consagrar o gol marcado ainda no primeiro por Hulk aos 13 minutos, para azar de todos nós: agora mesmo que Felipão não tira mais o herói verde do time. Ainda bem que foi o último jogo por rapadura antes da Copa. Seleção dos cartolas da CBF agora, só no ano que vem. Oba!

HUMILHAÇÃO
A mídia domada e sustentada por verbas governamentais está passada de vergonha. Acham que os malfeitores de Zé Dirceu não poderiam estar passando essa humilhação de dormir na Papuda. Nem se trata do velho adágio de que "vergonha é roubar e não poder carregar". Eles carregaram e carregam. A vergonheira toda, a dita "humilhação" é pela cadeia em si. O fato de que o Supremo tenha comprovado que são corruptos, mensaleiros, quadrilheiros, é o de menos. Isso até é bom para o currículo da pandilha.

TRATAMENTO A GENOÍNO
Zé Genoíno insiste em dizer que está nas últimas, que está pela bola sete em matéria de saúde. E até pode ser que esteja sendo verdadeiro, pelo menos desta vez na vida. Coitado, está doente; seu estado de saúde "é grave" diz ele e repetem seus seguidores de fidelidade canina... O nobre mensaleiro cardiopata deveria ser tratado pelo SUS, eis que alega uma aparente pobreza franciscana. Tratamento de pobre é no SUS. Ainda mais agora com o reforço do contingente cubano em plantão permanente.

MORAL DE CUECA
Zé Guimarães, líder do PT salta de banda e diz que não vai aceitar a "criminalização" do partido. Ele está cobrando da Justiça o mesmo rigor contra os tucanos envolvidos no escândalo do metrô e contra outras tucanagens de colarinho branco. Zé Guimarães é irmão de Zé Genoino. O ridículo da fala desse senhor de gravata e colarinho branco nem é porque esteja pedindo isonomia para os delinquentes da política brasileira - siglas e, caras e currículos, são todos iguais; o ridículo é que ele está pregando moral de cueca. Seu assessor, flagrado com dólares no saco, sabe bem do que se está falando.

PONDERAÇÃO
Sabe que no meio disso tudo, mensaleiros presos, petistas e governistas dando pulos de raiva e coisa e tal, o Banco do Brasil ainda estuda se deve pedir ou não ressarcimento dos mais de R$ 70 milhões surrupiados pelos malfeitores da coisa pública? Dessa grana que tomou chá de sumiço, o Banco do Brasil entregou nada menos de R$ 58 milhões e uns quebrados do Visanet à agência de Marcos Valério. Foi assim que duas dívidas da campanha de Lula foram pagas na época. E o banco ainda está ponderando se cobra ou não cobra o ressarcimento dos mensaleiros. Pois é. É.

UNS E OUTROS
No meio dessa mixórdia toda de cadeia com cadeado ou não para Zé Dirceu e seus mensaleiros, é retumbante o silêncio da oposição. Não há uma só voz que se levante para celebrar a justiça que está sendo feita. Não teve até agora um só tucano que desse um pio. Desculpem a alusão grosseira e chula, mas vale a sabedoria popular: "Quem tem; tem medo". O que os governistas estão levando hoje, os oposicionistas vêm merecendo há muito tempo.

19 de nov de 2013

Novatos já "devem" aos veteranos da Papuda

Na sua mais singela e pura ingenuidade, o senador Eduardo Suplicy - sempre ávido por holofotes - deu todo o serviço ao sair da breve visita de solidariedade que fez aos mensaleiros no Complexo Penitenciário da Papuda, mais até do que aquela coisa de "compartilharem lençóis".

Suplicy entregou, o que poderia ser um segredinho bem guardado: "Eles foram muito bem recebidos pela população carcerária. Tiveram até boas-vindas".

Epa! Na linguagem de sobrevivência carcerária, essa troca de gentilezas é sinal manjado de que o bando de novatos já ficou "devendo" para a facção dos veteranos que comandam a massa e balançam a pança dentro do presídio de segurança máxima.

A cobrança está a caminho. Se quiserem manter a dignidade de sempre, os mensaleiros vão ter que rebolar para não entregar bem mais que sabonete, cigarro e celulares, mas quase todo o lucro que tiveram quando serviram ao governo e se serviram nos cofres públicos.

Lula comanda o Marco Civil da Internet

Olhem só!... O que foi que a gente falou pra vocês?!? Lula, voltando aos bons tempos daquele escritório-chatô da Presidência da República, em São Paulo, comandado por Rose a segunda-dama do governo Série-B da Dilma, convocou uma reunião em seu instituto de palestras rentáveis, para forçar a barra pela implantação do Marco Civil da Internet.

O interessante é que esse cara é só um presidente com validade vencida - quer dizer, não é nada num governo que se preze - e um reles presidente de honra - imagine! - de um partido político; poderia ser de qualquer outra facção, mas é do PT.

Interessante ou não, Lula chamou no apito diversas entidades de "jovens de esquerda", aos quais prometeu - eles ainda acreditam nas promessas dele - usar sua influência  dentro do governo - será lobista ou traficante de interesses? - e no Congresso Nacional para tentar aprovar o projeto de governança da liberdade de expressão virtual que entrou nesta terça-feira na pauta da Câmara dos Deputados.

E, metido como ele só - que dá pitaco em tudo, menos nos efeitos do Mensalão - falou grosso com os seus sectários: "Isso não pode ser votado antes que cada ministro garanta que seu partido vai votar".

E a gurizada medonha da mais bem-remunerada esquerda festiva da história desse país, com ares de black blocs domesticados acatavam agradecidos a proposta indecente, sob os aplausos incontidos sabe de quem, hein? Dela, a musa que levou um chute no traseiro de Lula mas se recuperou ganhando um ministério, a gloriosa mensaleira ministerial, Marta Suplicy que, por sua vez, não estava só.

Ela contava com as palmas febrís dos corações dos ex-ministros luláticos Franklin Martins, Paulo Vannucchi e Juca Ferreira. Todos eles sempre muito presentes em palcos iluminados como esse.

E assim é, pois, que está chegando a hora da nação brasileira, aquela formada por homens de boa vontade e cidadãos do bem, implantar o Marco Regulatório dos Planos de Mídia Política.

Falta, no entanto, à população dispor e contar com a estrutura do crime organizado oficial que serve de trampolim para a pandilha desse Brasil da Silva dar o salto mortal da censura pra cima das redes sociais que não precisam dos gordos patrocínios governamentais, amos e senhores manipuladores da opinião e das manchetes da mídia tradicional.
EXUMA QUE EU QUERO VER
Ah é pra tirar esqueleto do armário?... Tão tá! Quando vão exumar Tancredo?!?

Lula, a bola da vez

Sempre haverá um lençol para ser compartilhado

Lula anda pra lá de inquieto. Não bastasse a popularidade de Dilma, agora vem essa história de cadeia pra os mensaleiros do seu governo e, como se não bastasse, ele sabe que é a bola da vez pela primeira vez nessa peça de teatro que já encerrou o primeiro ato.

E como não basta mesmo, até o ministro Marco Aurélio Mello do Supremo, vem dando seu pitaco de toga dizendo que "eu não posso imaginar como alguém atilado como é o ex-presidente Lula, safo como eu disse, não tivesse conhecimento do que estava ocorrendo na República".

Pior que isso, vem agora o ministro de Dilma, Luiz Roberto Barroso, relator do processo chamado pelos lulistas de Mensalão Tucano mexer com as abelhas.

Bolas, ninguém melhor do que Lula sabe que os tucanos só não pediram o seu impeachment em 2006, centro nervoso do escândalo mensaleiro, porque estavam engasgados até os gorgulhos no mesmo tipo de mexe-mexe cometido para turbinar a candidatura de Azeredo ao governo das Minas Gerais em 98.

Isso lá é hora de mexer com isso? Claro que é. Mensaleiro - seja qual for a logomarca, estrelada ou atucanada - tem que ir para onde estão agora Zé Dirceu e seus sequazes. Para cada um deles sempre haverá  - como disse ontem o atilado senador Suplicy - "um lençol para ser compartilhado".

RODAPÉ - Esse senhor ministro Aurélio de Mello já era para ter arregaçado a toga e partido da retórica para a ação efetiva que se espera de quem tenha o domínio de um fato. Ora se tem essa dúvida atroz quanto à sapiência descuidada de Lula, então que vá fundo e faça o que tem que fazer em nome da ordem, do progresso, da lei, do direito e da justiça. Ganha bem e muito bem pra isso.

SUPLICY, O VASCO DA GAMA

E chegou afinal o momento mais esperado da prisão dos mensaleiros Zé Dirceu, Zé Genoíno: a visita de solidariedade do senador mais aloprado da história desse país, Eduardo Suplicy - o Impagável. 

Pois o pai de Supla - rebento dele com Marta - foi à luta e não frustrou a expectativa. Na saída, cercado de repórteres curiosos e afoitos, disse para muitos microfones e outras tantas câmeras de televisão que os prisioneiros estavam sendo muito bem acolhidos pelos colegas de Papauda.

E dentre outras veleidades vazou um segredo de alcova: "Eles até trocaram lençóis...". Pronto, era só o que a gente estava querendo saber. Suplicy é um verdadeiro Vasco da Gama: o resto é o resto.
COMO AQUI
Depois de muito renha-renha, muito ronca-e-fuça, a justiça da Rússia libertou sob fiança a ativista brasileira do Greenpeace. Quer dizer, foi tudo só uma questão de preço.

MADEIRA!
Ah, hoje tem amistoso da seleção da CBF contra o Chile, lá em Toronto, no Canadá. É uma partidinha assim pra mostrar aos canadenses como é que Neymar consegue se manter em pé levando tanta madeira dos pernas-de-pau chilenos.

SOCO E PONTAPÉ
Pesquisa mostrou que as mulheres preferem ver lutas do MMA na TV do que jogos de futebol. Ora, então é só sintonizar o jogo da seleção do Felipão hoje à noite para assistir ao Neymar apanhando o tempo todo.

COMO ASSIM?!?
Entretenimento: Festival de Música Negra. Criolo e Buika se destacam no evento. Como assim?!? Quer dizer que todos os outros festivais são de música branca?..

Semiaberto não é regime de dar risada

Nem tudo é o que parece. A euforia com que os advogados e os acólitos de Zés Dirceus e Genoínos receberam o anúncio do regime semiaberto para a dupla dinâmica não chega a ter assim a alegria da piada de salão que Delúbio Soares vaticinou nos primórdios do julgamento do Mensalão.

Para que os homens de boa vontade, os cidadãos de bem dessa República não caiam em desilusão, diga-se e esclareça-se que o regime de prisão semi-aberto não quer dizer que o preso fica em liberdade durante o dia, permanecendo no presídio durante as noites e finais de semana.

Nã na ni na não! O indivíduo condenado ao regime de reclusão semiaberto permanece recolhido ao presídio em tempo integral, mas com alguns benefícios, tipo assim serviço externo e uma que outra regalia que torna o tal regime menos restritivo que o regime fechado.

No regime ora dedicado aos Zés mensaleiros, o cumprimento da pena deve ocorrer em colônia agrícola, industrial ou estabelecimento similar. A dupla poderá ser alojada em locais coletivos e sua pena estará atrelada ao seu trabalho. Uma benesse comum nesse tipo de prisão é que se reduza um dia de pena a cada três dias trabalhados.  Quer dizer, Dirceu e Genoíno já estão perdendo tempo.

Uma coisinha só a mais, pro seu governo: quem apenas dorme no presídio e se recolhe aos finais de semana é o malfeitor que está no regime aberto.
LEVANTE O DEDO
Depois de oito anos de des/governo Lula e mais esse tempo todo de Dilma que não acaba mais vêm Zé Genoíno, o Depauperado e Zé Dirceu, o Plastificado, dizendo que são presos políticos! Que político terá prendido essa dupla de malfeitores da democracia que eles próprios dizem ter recriado? Quem souber aí levante o dedo. O dedo que quiser.

FAZ SENTIDO
Lula diz que vai falar sobre o Mensalão só no ano que vem. Faz sentido. Ele é assim mesmo, quando a porca torce o rabo ele foge da pocilga. Faz sentido, sim. Ano que vem é a época em que ele terá mesmo que falar. deverá estar depondo na barra do Supremo Tribunal Federal sobre o seu total desconhecimento a respeito do esquema de corrupção que corria frouxo  no seu governo. Faz sentido, pois. Lula só está dando tempo ao tempo,porque em março do ano que vem o STF estará nas mãos do velho amigo e companheiro batuta Ricardo Lewiandowski. Faz sentido, sim senhor.

Marco Regulatório dos Planos de Mídia Política

Desconfie. Faz uma semana que Rui Falcão e a comandita de Lula e Dilma não falam na implantação do Marco Regulatório das Comunicações. Isso quer dizer perigo iminente. Não demora nada, Franklin Martins, o furtivo carteiro oficioso da Lula para correspondências castristas entrega aos deputados e senadores um novo plano de cerceamento à liberdade de expressão.

Em assim sendo - só para entrar no seu jeito retórico de começar um assunto - alerto às redes sociais e a quem interessar possa que já está mais do que na hora de o povo lançar o Marco Regulatório dos Planos de Mídia Políticos.

Chegou o momento de estabelecer a Governança da Propaganda Oficial Enganosa. A hora é agora para criar a cota popular de 25% dentro de todo e qualquer horário ou programa político na TV.

O Marco Regulatório dos Planos de Mídia Política daria fim - só pra começar - à requisição de horários de rádio e TV para "pronunciamentos à nação"; acabaria com a ditatorial apresentação do programa "A voz do Brasil"; criaria a governança das entrevistas de figuras abjetas e desacreditadas tipo assim Guido Mantega, Mercadante, Alexandre Padilha, porta-vozes congressuais, ex-ministros a soldo, ex-presidentes da República, todos com validade vencida e seus perniciosos similares.

Mais, muito mais do que a "governança da internet" proposta por Dilma contra as redes sociais e os meios de comunicação, o governo e seus lacaios merecem o Marco Regulatório dos Planos de Mídia Política e a implantação da Governança da Gastança Pública nas Comunicações.

18 de nov de 2013

A VOLTA DA CREDIBILIDADE
É tão grande e desbragada a rede pública de escândalos no Brasil da Silva que não vai denmorar nada para que nenhum organismo governamental possa fazer campanhas de publicidade - enganosa - nos jornais e na TV. A voz rouca das ruas será mais forte do que qualquer plano orquestrado de mídia. Talvez então o noticiário diga o que deve e o que precisa ser dito; talvez então o jornalismo brasileiro se reencontre com a verdade, com a liberdade de expressão e nunca mais com a liberdade do patrão.

PIZZAIOLOS
Pizzalato deu literalmente no pé; fez pizza no lato senso. Vai gozar os capitais de suas malfeitorias na bela Itália. Os outros malfeitores, no entanto, foram mais sagazes do que ele. Cumprirão meia dúzia de dias na cadeia e logo esses pizzaiolos profissionais esfregarão na nossa cara os seus currículos atestando que "saldaram a dívida" para com a sociedade. Amanhã ou depois, gordos e ricos, desfilarão no Black Bloc dos Fichas-Limpas.
CUMPRA-SE!
Lula, aquele que não resta a menor dúvida - como diria Aracy de Almeida - manifestou-se afinal publicamente sobre o Mensalão, o esquema de corrupção no seu governo que ele não conseguiu provar que era "uma farsa". E foi evasivo e escorregadio, como sempre nessas horas: "Estou apenas aguardando apenas que a lei seja cumprida". Que bom saber disso. Ontem mesmo ele telefonou para o Zé Dirceu e para o Zé Genoíno só para lhes garantir: "Estamos juntos!". Pois é, os dois agora estão cumprindo cadeia em regime semiaberto. E os brasileiros aguardando apenas que a palavra de Lula seja cumprida.

O VERGONHOSO
Dirceu, Genoíno e Delúbio Vão para regime semiaberto. Pronto, agora já não vai ser preciso tanto aparato decorativo e nem tantos riquefafes nas celas da Papuda. A trinca vai ter trabalho apenas de levar toalinha, travesseiro e sabonete para passar as noites de cárcere. No fundo, no fundo, tanto faz que cumpram pena em regime fechado, semiaberto ou escancarado... O que é vergonhoso e humilhante é o crime, é a culpa e não o presídio, a cadeia, a cela que destinarem ao malfeitor.

DILMA NA CABEÇA
Mais uma do Ibope: Dilma venceria no primeiro turno se as eleições presidenciais fossem hoje. Mas, o mesmo Ibope diz que "a maioria quer mudança". E a gente aqui ó, primeiro quer mudança, mas que não seja igual àquela que o Lula fez em 11 caminhões de Brasília para São Bernardo do Campo; segundo, as eleições não são hoje; terceiro, Lula vai encomendar outra pesquisa, porque não achou graça nenhuma nesse passeio de popularidade da primeira-president@.

EL CUMBANCHERO
Alexandre Padilha gostou e quer mais festa. Vai providenciar a vinda de mais um white bloc de 10 ou 12 mil cubanos para engrossar o caldo medicinal no Brasil da Silva, cuja saúde pública "está perto da perfeição". Esse Padilha é um festeiro; um cumbanchero.
O BRASIL DA SILVA EM 2014
Em março do ano que vem Ricardo Lewandowski assume a presidência do Supremo Tribunal Federal. Ele entra por uma porta e Joaquim Barbosa já deixou claro que sai pela outra. Lewandowski presidindo o STF é um ponto a mais para a composição ideal do tribunal sonhada pelo governo. Uma formação lewiandowski da mais alta corte de Justiça do País. O governo que já manipula os poderes Executivo e Legislativo vai ficar bem à vontade para ser unha e carne com o Judiciário. E aí sim, a democracia da Silva se consagra com propriedade dos redemocratizadores que vêm "mudando" o Brasil desde 1985, quando Zé Sarney assumiu a Presidência da República. O Brasil da Silva vai ficar bem como o diabo gosta: Dilma ou Lula no Palácio; Renan Calheiros, no Congresso Nacional e Lewiandowski no Supremo. É mole, ou quer mais?
BOLETIM MÉDICO
E então os plantonistas de plantão do Zé Genoíno disseram ontem que ele pode sofrer um mal súbito "a qualquer instante". Ah, bom. O Zé Genoíno e os outros 201 milhões de brasileiros podem sofrer um mal súbito a qualquer instante. Ou não seria mal súbito, né não?!?

17 de nov de 2013

Torcedor

Quando vejo o Grêmio jogar sinto o prazer de um colorado fabnático; se assisto a uma partida do Inter, sou tricolor de coração. E assim é que continuo sendo um vascaíno saudável.

Aí, aos 15 minutos do segundo tempo Maxi Rodrigues entrou em campo e aos 17 driblou dois, atirou com efeito procurante e mostrou que Portaluppi é um gênio na hora das substituiçõe3s: acertya mais quando troca do que quando escala o time.

E então o Flamengo empatou sem-querer e logo em seguida Maxi Rodrigues, o Infernal, fez 2 x 1 só para mostrar que Portaluppi não sabe escalar, só trocar.

Em todo caso, o melhor do jogo para as duas torcidas foi a bandeirinha. Um colírio para quem não tinha óculos escuros.  Mas, então, mudando de assunto, o Inter tomou 3 x 1 do Goiás para alegria da minha porção gremistas, o que me deixa vermelho de raiva e mais vascaíno do que nunca.

Torcedor

Quando vejo o Grêmio jogar sinto o prazer de um colorado fabnático; se assisto a uma partida do Inter, sou tricolor de coração. E assim é que continuo sendo um vascaíno saudável.

Aí, aos 15 minutos do segundo tempo Maxi Rodrigues entrou em campo e aos 17 driblou dois, atirou com efeito procurante e mostrou que Portaluppi é um gênio na hora das substituiçõe3s: acertya mais quando troca do que quando escala o time.

E então o Flamengo empatou sem-querer e logo em seguida Maxi Rodrigues, o Infernal, fez 2 x 1 só para mostrar que Portaluppi não sabe escalar, só trocar.

Em todo caso, o melhor do jogo para as duas torcidas foi a bandeirinha. Um colírio para quem não tinha óculos escuros.  Mas, então, mudando de assunto, o Inter tomou 3 x 1 do Goiás para alegria da minha porção gremistas, o que me deixa vermelho de raiva e mais vascaíno do que nunca.
ESCRITÓRIO DE CARTOLAS
Como era esperado, Adilson Batista não decepcionou uma vez mais. Ao empatar em zero com o Corinthians, não saiu do lugar em que se encontrava.

Adilson manteve o Vasco impoluto na sua corrida rumo à Segundona. A busca pelo vice-vcampeonato da Série-B no ano que vem continua de forma inapelável.

O futebol cruzmaltino é mais feio que o Guiñazu de cabelo rastafári.

Um clube que nesta temporada contratou quatro dirigentes, outros tantos técnicos e nenhum jogador, não é um time de futebol; é um escritório de burrocratas. O Vasco é um escritório de cartolas.
EXUMAÇÃO
Como a exumação de Jango deu alguns bons frutos - bem menos do que o governo esperava colher - Dilma HaVana já está providenciando com a sua pandilha de marketing a exumação do cadáver de Zé Dirceu que já morreu e não sabe. A única exigência é que a equipe de peritos em desenterramentos seja a mesma que trabalha para Aécio Neves na missão de exumar os restos mortais de Zé Serra. A grande atrapalhação nisso tudo é que o petista do DF, Chico Vigilante já anunciou a morte de Zé Genoìno. Assim não há equipe de perícia que aguente. A ideia mais brilhante até agora é chamar, a ministra Maria do Rosário para tirar os esqueletos do armário.

PIZZALATO
Dentre os mensaleiros condenados, Pizzalato é quem vai se dar melhor na parada. É foragido do Brasil da Silva. Sabe o que é bom pra tosse. A Interpol pode caçá-lo em qualquer parte do mundo, menos na Itália. Justamente onde, por acaso, ele estará vivendo nababescamente pelos próximos anos até que prescreva a sua pena de prisão. E não é que passe a curtir uma dolce vida tipo assim um bolsa-família de luxo... Dizem até que já está mexendo os pauzinhos para ser consultor de marketing do Sílvio Berlusconi, só para efeitos de bunga-bunga.
BAITA DIFERENÇA
Zeca Dirceu compara a prisão do pai à Ditadura. Pode até ter algumas similaridades. Pode, sim; por que não? Mas tem uma baita diferença. Se Dirceu foi preso algum dia na época da ditadura, foi por razão muito distante dos motivos pelos quais hoje ele (ainda) está em cana. Agora ele foi preso pela democracia e porque é corrupto. Esse Zeca saiu ao pai: gosta de ver a vida com bons olhos. Grossos, por sinal.

SENTINDO O GOLPE
Beltrame, secretário de Segurança do Rio: " O tráfico sentiu o golpe"! Zé Mariano garante que houve "alguma migração" de criminosos por causa da estratégia de Unidades de Polícia de Pacificação na cidade. Pô que susto! Pensei que já haviam chegado ao Rio de Janeiro os primeiros sinais de agitação e descontentamento pela turma do PCC, do CV e facções criminosas, com a chegada do grupo de mensaleiros na Papuda. Agora sim, vai começar de verdade o Crime Organizado no sistema carcerário brasileiro. A bandidagem que manda nos presídios vai "sentir o golpe".

TANGA x SEQUESTRO
Uma vez, conta a lenda, Zé Dirceu estava entre um grupo de presos políticos e os políticos que não estavam presos sequestraram Charles Burke, embaixador americano (não confundir com Burle Marx), como moeda de troca naqueles anos de chumbo. Hoje, duvido que o Fernando Gabeira mova uma palha para livrar a cara de Dirceu e seus mensaleiros. É capaz até de botar uma tanga outra vez e dar uma voltinha em Copacabana... Mais que isso, nem pensar. É o sinal dos tempos.

JUNTOS
Lula para Dirceu e Genoíno, ao telefone como ele tanto gostava de fazer nos tempos de la vie en Rose: "Estamos juntos"! Ah é?!?... Como se tratava de quem se trata, Dirceu e Genoíno não se admiraram. Já estão até guardando lugar para mais um, na cela ao lado. Já sentaram, inclusive. Sabem que é assim que eles vão ter que esperar pelo companheiro das boas horas.

BANHO DE ARTE
O maior medo dos reeducandos mais ilustres da Papuda é que Eduardo Suplicy tenha um surto de solidariedade e resolva levar o Supla para cantar canções de ninar gente grande nas horas de sol no pátio do presídio de segurança máxima de Brasília. Hora de arte nas horas do banho de sol na cadeia, pega mal.
ARTISTA IMORTAL
Distrital petista Chico Vigilante, faz jús ao nome e dá seu palpite: "Genoíno pode morrer"! Mais que Vigilante, pitoniza. Mas, a confirmar-se a previsão do bidu da Câmara de Brasília, que grande artista o mundo vai perder! E ele que, assim como os companheiros mensaleiros, pensava ser imortal... A dura verdade é que quem nasceu para ser Genoíno, jamais chegará a Sarney.

PALMEIRAS NA BOA
Palmeiras numa boa: meteu 3 x 0 no Boa e se fez campeão da Segundona. O Palmeiras assim, volta à elite do futebol brasileiro. Já está pronto para ser rebaixado à Série-B no ano que vem. Nem o Vasco da Gama faria melhor.

CBF 5 x 0 HONDURAS
Só faltou o Manuel Zelaya na seleção de Honduras. Bandido é o que não falta naquele time. Tá, então tá, o jogo foi 5 x 0 e, para variar, Neymar foi o melhor jogador em campo. Só não foi melhor porque foi caçado pela quadrilha hondurenha. Pronto! Vamos ser campeões do mundo, no ano que vem.

PIZZALATO?!?
Pizzolato foragido pelo mundo é homiziado na Itália. Taí a chance que os italianos queriam para dar o troco ao desaforo que o governo Lula, com o toque de MetaTarso Genro, cometeu contra a Justiça da Itália ao dar abrigo ao criminoso Cesare Battisti, condenado a prisão perpétua pelo assassinato de quatro pessoas na Terra dos Césares. Por sinal, doutos daquelas plagas já deram sinal de vida: "a lei italiana não permite a extradição de Henrique Pizzolato". Pronto! Sabe quando vai assar a pizza de Pizzolato? Quando a Itália perder o codinome de Velha Bota. Mas aí, o malfeitor condenado por corrupção e outros malfeitos muito bem feitinhos, já virou pizzalato.

A PIADA DE SALÃO
Delúbio Soares se entregou, tipo assim meio escamado, em Brasília. E, com aquele seu sorriso de dentes quase tão feios quanto a dentadura do Marco Aurélio Sargento Garcia, aspone de Dilma, não deixou por menos e fez gracinha: "foi um julgamento de exceção"! Eis aí, ora pois, a tal "piada de salão" que ele, se achando imune e impune, anunciou quando foi flagrado com a boca na botija. 

16 de nov de 2013

CRIME ORGANIZADO
Então tá! O Dia da Proclamação da República foi ótimo; the day after nem se fala, os mensaleiros de todos os calibres estão indo para a cadeia... Mas prepare-se. Agora sim, você vai saber o que é mesmo o Crime Organizado no Brasil da Silva. Não há celas, nem acomodações condizentes para os malfeitores de elite. Logo, um por todos e todos por um estarão cumprindo prisão domiciliar, nas suas respectivas mansões, tidas e havidas com o dinheiro que surrupiaram dos cofres públicos. O casebre de Zé Dirceu, por exemplo, fica em Vinhedo, nas cercanias de Campinas, a 75 longos quilômetros da capital paulista.
AQUELE ABRAÇO

A bloguice desvairada, patrocinada por organismo detentores do poder no Brasil da Silva, arrepia a lei e a justiça e se desmancha em elogios à biografia montada em torno de Zé Genoíno, presidente negligente e descuidado do PT pelo bom tempo em que a corrupção corria frouxa e desgarrada pelas artérias da democracia que agora o mandou para a cadeia.

A mídia patrocinada pelo poder dominante chora hoje a prisão de Genoíno, rasgando elogios a sua figura: "um dos políticos mais honestos, sonhadores e guerreiros que o Brasil já produziu"...

E fala no manifesto furado que chamaram de "abraço-assinado" coisa que não passou de um reles trocadilho, aludindo ao tradicional abaixo-assinado coisa tipo assim ação entre amigos, a velha rifa que prolifera entre os mais necessitados de favores e mordomias.

E a bloguice desvairada se esbalda anunciando alguns dos subscritores do papelucho: Chico Buarque, Marilena Chauí, Franklin Martins, Nelson Jobim, Antonio Candido, Luiz Marinho, Frei Chico, Paulo Vannuchi, Fernando Morais, Marta Suplicy, Eduardo Suplicy e Rui Falcão, entre muitos outros; ao todo, 10.460 assinaturas.

Que sucesso! Em um país com 200 milhões de habitantes, com mais de 130 milhões de eleitores, o cara que conseguir 10.460 votos não se elege pelo PT do Mal nem mesmo a vereador em São Paulo.

Mas o grunhido da mídia a soldo do poder e a listagem do tal abraço-assinado servem para nos abrir os olhos. Pronto, agora então a gente já sabe de alguns e de uns que outros que estão do outro lado da lei e da ordem apoiando o espírito mensaleiro que continua solto, corroendo a moral e a dignidade da nação brasileira.
QUEM É QUEM
Presidente do partido que tem como presidente de honra Lula da Silva que era presidente da República quando estourou o escândalo do Mensalão, Rui Falcão critica mandados de prisão contra os mensaleiros. Quer dizer, o mandachuva do PT é contra a Justiça e a favor dos malfeitores. O lado bom desse tipo de comportamento é que a gente fica sabendo com quem está falando. Falcão é um dos defensores do espírito mensaleiro que assola o País.

O PERDEDOR
Se, além da pandilha de pomposos advogados de defesa houve quem perdeu nesse julgamento do Mensalão, esse perdedor foi um espécimen chamado Lula da Silva que, como sempre nesses "tempos bicudos" anda sumido.

Lula prometeu, com seu tonitruante sotaque de conhecido gabola que, no momento em que deixava a Presidência da República, se dedicaria "em tempo integral" a demonstrar que o Mensalão era "uma farsa".

Perdeu feio, não para a realidade do fato que o mensalão é, mais que um esquema de corrupção, uma estratégia perniciosa e imoral implantada no País; Lula perdeu feio foi para seus companheiros de PT, já que nunca moveu uma palha para cumprir o que disse dos dentes pra fora.

Perdeu feio, pois o Supremo Tribunal Federal - apesar de algumas lewiandowiskagens - mostrou que o Mensalão era e continua sendo um jeito bandido de manter malfeitores no poder e que Lula não passa de um companheiro batuta, um bom filho da luta. Mas só da boca pra fora.

15 de nov de 2013

RISCO IMINENTE

Olha só que risco iminente corre a facção criminosa que está se formando no bojo do sistema prisional brasileiro: o delegado Leandro Daiello coordena as equipes que cumprem os mandados de prisão dos 12 mensaleiros condenados. ão, o risco não é esse; qualquer delegado poderi fazer cumprir a ordem de cadeia dessa turma.

O risco é que todos eles, os 12 de uma só vez, devem ser transferidos para Brasília, rumo ao presídio da Papuda num só voo alçado pela própria Polícia Federal. Já pensou se esse avião inventa de cair? Ou se opiloto, de tamanha surpresa e emoção, tem um mal súbito?!?

O povo brasileiro perderia a chance inédita de ver, até que enfim, corruptos de elite, malfeitores eminentes, gente podre de rica atrás das grades.
PRESOS
A cantilena dos Zés mensaleiros é a mesma. Zé Dirceu e Zé Genoíno rezam pela mesma cartilha: "Considero-me preso político". A letra fria da lei diz o contrário. São políticos presos. E já não era sem tempo. Pena que por pouco tempo. Comme d'habitude nessas horas difíceis, ou "nesses tempos bicudos", como proseava Mário Quintana, o Capeta de tutti capi está recolhido ao mais retumbante silêncio. O sorriso à Mona Lisa de Dilma HaVana continua "imexível", como bradaria o impagável Rogério Magri, ministro do Trabalho de Fernandinho Beira-Collor. O sorriso enigmático é imexível, mas não indecifrável.
PRESOS
A cantilena dos Zés mensaleiros é a mesma. Zé Dirceu e Zé Genoíno rezam pela mesma cartilha: "Considero-me preso político". A letra fria da lei diz o contrário. São políticos presos. E já não era sem tempo. Pena que por pouco tempo. Comme d'habitude nessas horas difíceis, ou "nesses tempos bicudos", como proseava Mário Quintana, o Capeta de tutti capi está recolhido ao mais retumbante silêncio. O sorriso à Mona Lisa de Dilma HaVana continua "imexível", como bradaria o impagável Rogério Magri, ministro do Trabalho de Fernandinho Beira-Collor. O sorriso enigmático é imexível, mas não indecifrável.

A Satisfação no Dia da Proclamação da República

A SATISFAÇÃO NO DIA DA PROCLAMAÇÃO DA REPÚBLICA

A polícia recebeu os mandados de prisão do STF para Zé Dirceu, Zé Genoíno e mais dez mensaleiros. O primeiro mandado entregue foi para Zé Genoíno que se revelou um legítimo Papagaio do Araguaia: "Sou inocente e considero-me um preso político".

Zé Dirceu já disse que a prisão não prenderá sua consciência; Marcos Valério matou no osso do peito e não falou nada; O advogado de Roberto Jefferson anunciou dramaticamente que ele "está juntando os cacos" e vai se entregar; Delúbio Soares está achando até agora que tudo não passa de uma "piada de salão".

Não, Lula da Silva não está nessa relação. Não tem nada a ver com isso. Nunca viu nada, nunca fez nada, nunca disse nada. Elesó não conseguiu demonstrar, como prometeu ao descer a rampa do Palácio do Planalto, que o mensalão era "uma farsa".

E assim é que o Supremo Tribunal Federal, oito anos depois, está recuperando o preceito institucional de que "a Justiça tarda, mas não falha". Hoje, sexta-feira, Dia da Proclamação da República, o STF não só presta satisfação aos brasileiros, como principalmente dá uma enorme satisfação ao povo republicano dessa pátria que para essa primeira pandilha deixou de ser uma mãe gentil.
ESPÍRITO SOLTO
Zé Dirceu de qualquer parte do Planeta PT do Mal: "Nenhuma prisão vai prender minha consciência"! É assim que ele aguarda sua prisão para a semana que vem. Mas o que foi que eu falei pra vocês? O espírito mensaleiro continua à solta. Desse mal o Brasil vai custar muito a se livrar. Nunca antes na história desse país e do mundo alguém conseguiu prender a ideia - por malévola e perniciosa que ela seja.

TITE POR MANO
Corinthians abriu o jogo: não renova contrato com Tite para o ano que vem. O cara na boca de espera é Mano Menezes. Santos, São Paulo, Palmeiras não cabem em si de contentes. Vai ser ótimo ver a torcida corintiana ovacionando Mano Menezes: - Luxemburgo! Luxemburgo! Luxemburgo! De resto fica a homenagem a Tite, cara sério e trabalhador. Sua trajetória de três anos e meio no Timão teve dois grandes feitos: fez o Corinthians ser campeão mundial e acabou com a carreira do Alexandre Pato.

Jack, o Estripador

Então, vamos por partes, como Jack fazia pelos becos de Whitechapel, em Londres, nos tempos em que ninguém ainda era mensaleiro:

O SORRISO DE MONA LISA
Sabe aquele sorriso misterioso de Mona Lisa que Dilma HaVana ostentava logo após a decisão do STF que vai mandar para a cadeia Zé Dirceu e seu mensaleiros? Pois o mistério do sorriso está explicado, mas o sorriso não está desfeito, persiste. É que, assim como quem não queria nada, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, se reuniu com a president@ Dilma HaVana, com a ministra Gleisi Hoffmann, da Casa Civil, e com Luis Adams, advogado-geral da União, um dia antes de solicitar a execução de penas dos réus do Mensalão ao Supremo Tribunal Federal. Pronto, taí ó. Não há como conter o riso diante do desfecho da primeira parte da novela Os Mensaleiros. Falta agora a parte II da Série. É quando oesgar de Mona Lisa voltará aos lábios de Dilma com a prisão do chefe do bando.

NOVA FACÇÃO
Joaquim Barbosa está decidindo em que presídio de segurança máxima será implantada, na semana que vem, a mais nova facção criminosa do Brasil da Silva. Ao que tudo indica será na Papuda, no Entorno de Brasília, Capital da Esperança que não venceu o medo. A tendência do presidente do Supremo é colocar a batata quente nas mãos de Ademar Silva de Vasconcelos, juiz da Vara de Execuções Penais do Tribunal de Justiça do Distrito Federal. Silva de Vasconcelos já disse que “como cidadão, a gente fica até mesmo muito decepcionado com essas coisas”;. Ele já adiantou que não há reserva de vaga para os mensaleiros nos presídios de Brasília. Por isso já anunciou que terá de ser feito um remanejamento de presos. Quer dizer, coisa tipo assim destinar alguns alojamentos do PCC e CV para o novo grupo de malfeitores que estaria chegando. A nova pandilha já teria,segundo especialistas no assunto crime organizado, a nova pandilha já teria até sigla: PCD - Partido do Comando de Dirceu.

INVADIRAM A FAZENDA DE MANTEGA
Opa! Epa! A revista Época deste fim de semana denuncia o pagamento de propina pela empresa Partners para o chefe de gabinete do ministro Guido Mantega, o economista Marcelo Fiche, e também para o chefe de gabinete substituto, Humberto Alencar. A Partners presta assessoria de imprensa ao Ministério da Fazenda. A ex-secretária da Partners disse à revista ter repassado R$ 60 mil para os dois assessores do ministro. Aí, cerelepe e expedito, Guido Mantega agiu mais do que ligeiro para desfazer mais uma crise que circula pelos corredores fazendários: chamou a Polícia Federal. Um pouco para mexer com a revista, outro tanto para furungar a ação dos seus assessores, coisa que ele nunca fez. Bem do jeitinho com que ele não furungou seu homem de confiança naquele desvio grosseiro de dinheiro ano passado na Casa da Moeda que também fica embaixo do seu nariz.

JOGO DE CENA
O advogado de Zé Dirceu, José Luís Oliveira Lima insiste que o seu cliente tem direito a acionar a Corte Interamericana "porque o Judiciário brasileiro violou o direito a todos os recursos". Para ele, Dirceu ficou indignado com decretação de prisão, mas garante que se apresentará, 'sereno', para cumprir a condenação. O advogado e Zé Dirceu estão fazendo é jogo de cena. Coisa para transformar o reles chefe dos mensaleiros num "perseguido político". Bolas, todo mundo sabe que Direito Internacional é peça de ficção. Não há o que possa arrepiar qualquer soberania nacional, ainda que se trate de um Brasil da Silva.

DILMA DESGRUDOU-SE
As condenações dos dirigentes petistas no Mensalão, não se refletiram nos índices de aprovação do governo Dilma HaVana. Ela continua sendo a favorita para vencer as eleições do próximo ano. Muito mais agora, depois da engendração com o procurador-geral da União que pediu cadeia imediata para a pandilha de mensaleiros. Ela deu uma de Lula; desgrudou-se de todo e qualquer contato de qualquer grau com os que foram flagrados com a boca na botija. É a velha máxima: rei morto; rei posto.

COMME D'HABITUDE
Escorregadio, como sempre, Lula agora deixa de ser o comentarista geral da nação para qualquer tipo de assunto e diz que "quem tem de discordar ou não" sobre a determinação de prisão imediata dos réus do Mensalão - "uma farsa", segundo ele próprio -  "são os advogados, que juridicamente têm de saber se pode fazer ou não". Alguma surpresa?!? Não. Comme d'habitude, esse é o camaleão de sempre. Então me diga, eu quero saber só por curiosidade: no seu tempo de colégio, se você estudasse na mesma classe de Lula, você o convidaria pra jogar bola de gude no recreio?

Então tá!

Ideia, por pior que seja, ninguém pode prender.

Então tá! Os mensaleiros foram afinal condenados à prisão. E já devem começar a cumprir suas penas, sejam lá quais forem. O bom disso tudo, para os que acham que a Justiça tarda, mas não falha, é que a cadeia dos mensaleiros ficou nas mãos de Joaquim Barbosa.

Ele quer que as penas sejam cumpridas, todas elas, no Distrito Federal, ali pelas cercanias da Papuda, território onde há celas devidamente adequadas a receber os malfeitores de elite.

E então tá! É bom que se repita: então tá! Tá, mas nem tanto. Zé Dirceu e seus parcioneiros foram condenados, mas continuam ricos e influentes. Serão agora, apenas uns blackblocs desmascarados agindo sob regime carcerário, bem como fazem os bandidos do PCC, do Comando Vermelho e similares.

E então tá! Acabou a farra dos mensaleiros! Quê nada, seus simplórios. O grande embusteiro continua gozando o pleno sol da liberdade. E outra coisinha mais: prende-se o autor, mas não se prende suas ideias.

O alma malfeitora, o espírito mensaleiro foi lançado no Brasil da Silva pelo criador das criaturas e continua vagando por aí, impunemente.

Esse Mensalão é um reles aprendiz de feiticeiro diante dos alquimistas que, a partir do Palácio do Planalto, continuam aplicando o elixir da longa vida que cura todas as coisas e dá vida boa aos companheiros bons e batutas.

A alquimia se espalha pela Esplanada dos Ministérios e por todos os salões do organismo público, em fórmulas infalíveis de distribuição de salários, fraudes em licitações, obras de mentira, doses repetitivas de promessas vazias, corrupção desbraguelada, farta distribuição de empregos públicos, cargos de gordas remunerações, troca-troca de ministérios por alianças e compras de novas amizades, bolsas disso e daquilo e a velha e costumeira a bolsa ou a vida.

A Pedra Filosofal do mensalismo foi lançada e encravada no seio da pátria amada e idolatrada, propriedade larga e exclusiva dos mensaleiros consolidados, acobertados pela perniciosa "estratégia de coalizão pela governabilidade" implantada e disseminada por Lula da Silva - o pai da ideia.

E ideia, meus diletos, por pior que seja, ninguém pode prender. O espírito do mensalão corre frouxo como nunca antes na história desse país. E então tá!

14 de nov de 2013


OPERAÇÃO CADEIA PLÁSTICA
O advogado de Zé Dirceu garantiu ontem, nem se sabe bem pra quem, que o seu cliente - que estava se deleitando numa boa praia - vai se entregar espontaneamente à Justiça e está "pronto para a cadeia". Enquanto isso, o STF adiou para a semana a edição dos mandados de prisão dos mensaleiros. Sei lá, de onde essas coisas estão saindo, merecem mutia atenção e muito cuidado. Quando o delinquente estiver de corpo presente, deverá ser submetido a uma minuciosa revisão física, de cabo a rabo. Não seria a primeira, enm a última vez na vida que Zé Dirceu se apresentaria com uma cara nova. A cirurgia plástica sempre foi uma de suas manias para andar livre, leve e solto por aí... Imagine agora, rumo à cadeia.

VASCO IMPOSSÍVEL
E o meu Vasco anda mesmo impossível. Ontem conseguiu perder para o Grêmio pelo elástico marcador de 1 x 0. E com um gol espírita,posto que marcado de cabeça por Rodolpho. Onde já se viu isso, numa zagueiro como aquele?!? O gol, não; a cabeça. E assim é que ninguém vai conseguir interromper a vertiginosa carreira do Vasco da Gama rumo ao título de vice-campeão da Segundona, no ano que vem.
MENSALEIROS VÃO PARA A CADEIA
MAIS COBIÇADA DO BRASIL

Então o Supremo Tribunal Federal agora está revendo as penas da pandilha de sevandijas que, desde 2005 anda por aí livre, leve e solta como se o Mensalão fosse mesmo uma "farsa" como Lula ficou de demonstrar quando saiu com 11 caminhões de mudança do Palácio do Planalto e foi se aconchegar como dono nacional do PT em São Bernardo do Campo.

De Zé Dirceu ao mais inocente dos inocentes mensaleiros que foram condenados a pegar cana dura, todos deverão demonstrar com enorme facilidade que não há presídios devidamente aparelhados e equipados para atender à sua condição de malfeitores de elite.

Você vai ver que, logo que estejam recolhidos, eles se valerão do regime semiaberto e, em consequência, por absoluta falta de conforto no sistema carcerário desse governo extremamente preocupado com a segurança pública, gozando, um a um e todos eles, as delícias do mais famoso valhacouto brasileiro, a confortável prisão domiciliar. E não se fala mais nisso.
CADEIA PARA OS MALFEITORES

E então, oito anos depois - tempo em que os malfeitores continuaram agindo da mesma maneira com sempre agiram - Zé Dirceu, Zé Genoíno, Delúbio Soares, Marcos Valério e mais seis mensaleiros pegaram a merecida cadeia. Agora os condenados querem evitar o uso de algemas durante a prisão. O STF acabou fazendo justiça. Mas não foi fácil, Lewandowski foi mais Lewiandowski do que nunca.

Mas foi assim que acabou com final quase feliz a primeira novela da Série O Mensalão. Os originais do enredo da próxima atração já estão sendo escritos em busca do happy end. Nesta reta final, a ação vai girar em torno da captura do grande chefe dos mensaleiros que conseguiu ficar de fora na primeira fase do maior romance policialesco dos festejados, celebrados e concelebrados "10 Anos de PT no Poder".

13 de nov de 2013

O VENCEDOR E A PERDEDORA

Então, pelo andar da carruagem e sabendo quem é o condutor que sempre dá um jeito de se livrar da sujidade da estrada, volto à vaca fria e, em verdade, em verdade, vos digo: o Metamorfose Ambulante está com o pé que é um leque para voltar ao Palácio que nunca abandonou.

A confirmação de Rui Falcão na presidência do partido que é presidido com honra pelo criador da criatura só serviu para mostrar que o PT continua o mesmo: um feudo lulático.

Nem Aécio, nem o insistente Serra; muito menos Eduardo Campos ou sua Marina Morena, são os adversários de Dilma HaVana em 2014. Quem vai ganhar a eleição de outubro do ano que vem é ele, o Cara, Lula da Silva.

Já quem perde... É a mesma de sempre, a nação brasileira. Mas, não perde mais nem menos do que não ganharia com qualquer um dos outros candidatos que estão postos nessa mesa de tristes figuras republicanas.

12 de nov de 2013

MESMO NÍVEL
Até que enfim Vanderlei Luxemburgo provou que está no mesmo nível de Mano Menezes. E vice versa.

QUE COISA
O fracasso é tamanho no clube da estrela solitária que a diretoria do Botafogo já não sabe mais o que fazer. Há coisas que só acontecem com o Eike Batista.

CADEIA JÁ!
Mas há coisas que acontecem não só com o Botafogo. Agora mesmo, para decepção geral da banda bandalha dos mensaleiros, o festejado procurador-geral da República, Rodrigo Janot que substituiu o "famigerado" Gurgel, botou água fria na fervura da pandilha. Acaba de enviar parecer ao Supremo Tribunal Federal (STF) pedindo a execução imediata das penas de 23 dos 25 réus do mensalão.

Para Janot, mesmo os réus que têm direito a um recurso que pode levar à reversão de condenação em determinado crime, os chamados embargos infringentes, podem e devem começar a cumprir suas penas devido a outras condenações.

O modelito cabe como uma luva nas mãos limpas do ex-ministro ficha-suja de Lula da Silva, o ínclito e ingênuo Zé Dirceu, do desbundado e aloprado ex-presidente do PT, Zé Genoíno e do ínclito deputado João Paulo Cunha. Mais que luva, cabe carapuça também. São os blackblocs do governo que Mangabeira Unger, também ex-ministro lulático chamou de "o mais corrupto da história do Brasil".

A batata da mensaleirada está assando a partir desta quarta-feira, dia em que começa o julgamento dos embargos infringentes. Aconteça o que acontecer, essa gentalha toda já está condenada pela opinião de quem tem opinião própria. Aconteça o que acontecer, a justiça não será feita de fio a pavio, de cabo a rabo: o chefe deles todos, como sempre, ficou de fora. Como é da sua natureza.

Governo desgovernado

É pelo menos um absurdo a presidente@da nação considerar "absurdo" o Tribunal de Contas da União paralisar obras governamentais pelas irregularidades flagradas pelo organismo oficial de fiscalização do Estado. Ao criticar o TCU Dilma Vana não só cometeu um ato falho de flagrante desrespeito à lei e à ordem, como tomou partido e defendeu a corrupção.

É um absurdo que um deslize moral desse porte que leva à institucionalização da irregularidade e da imoralidade não seja tratado como deve. Dilma é cada vez mais a president@ desse Brasil da Silva, implantado nesses últimos 12 anos de poder lulático e ditatorial.

Dilma Vana prova, a cada dia que passa que a democracia da Silva é propriedade de uma minoria corrompida eleita por uma maioria desossada e sem coluna vertebral.

A democracia que inventaram para o Brasil, desde que Sarney subiu a rampa em 1985, se dedica apenas a fazer o povo acreditar que é ele, o povo, que está no poder. Esse é um governo desgovernado que já está governando demais.

11 de nov de 2013

Pão Torrado, ou Vida de Forno & Fogão

Sou desses caras mais experientes da vida, meio que metido a moderno. Encaro, por supuesto, com enorme naturalidade, uma que outra tarefa daquelas chamadas lidas de casa.

Uma vassourada daqui; uma vez lá que outra arriscando uma torçãozinha nas costas ao arrumar a cama; notórias e até espalhafatosas incursões à cozinha, para fazer uma picanha mergulhada em sal grosso enrodilhada em papel laminado... E outras coisas que me deixam em dia com a modernidade caseira, tipo curtir venturas que viram verdadeiras pequenas aventuras.

Dentre todas essas coisas de domínio público das donas de casa, uma para mim tem se tornado missão impossível.: não consigo fazer pão torrado!

Tudo manobra contra mim. O fogão, a assadeira, o forno! Esse bandido, o forno! Não adianta programar o "timer", parece até que ele sabe que eu tenho há mil anos um zumbido no ouvido que confunde sirenezinhas de fogão com o assolbio do vizinho.

O meu pão torra; quando eu vejo, já virou cheiro de rancho. A casa fica infestada. Pão torrado não é tarefa pra qualquer um. Ele me faz um qualquer um.

Acho que hoje, pela milésima vez, esse forno me avisou: - Pare com isso. Ponha uma olaria, fabrique tijolos; monte uma usina de carvão! Pohaaa! Deixe de ser burro, vá na padria da esquina. O pão torrado de lá ´pe um barato. E sai muito mais barato.

Se esse forno for isso mesmo que eu estou pensando dele, vou até seguir seu conselho. E ele vai se livrar de um belo pontapé nos fundilhos. Bem mais forte até do que os outros chutes que eu lhe dei e ele nunca reagiu. E que, cá pra nós, nunca adiantaram nada.

Mas hoje é o dia da minha vingança. Bradei o grito da independência: deu pra ti, baixo astral! Pão torrado, tchau! A padaria aqui do condomínio tem serviço tipo assim delivery. E pra mim, um cara experiente na vida, meio metido a moderno, nada mais na moda do que pão torrado em domicílio. Hoje, sim, vou torrar o saco dessa Vida de forno & fogão.

Pão Torrado, ou Vida de Forno & Fogão

Sou desses caras mais experientes da vida, meio que metido a moderno. Encaro, por supuesto, com enorme naturalidade, uma que outra tarefa daquelas chamadas lidas de casa.

Uma vassourada daqui; uma vez lá que outra arriscando uma torçãozinha nas costas ao arrumar a cama; notórias e até espalhafatosas incursões à cozinha, para fazer uma picanha mergulhada em sal grosso enrodilhada em papel laminado... E outras coisas que me deixam em dia com a modernidade caseira, tipo curtir venturas que viram verdadeiras pequenas aventuras.

Dentre todas essas coisas de domínio público das donas de casa, uma para mim tem se tornado missão impossível.: não consigo fazer pão torrado!

Tudo manobra contra mim. O fogão, a assadeira, o forno! Esse bandido, o forno! Não adianta programar o "timer", parece até que ele sabe que eu tenho há mil anos um zumbido no ouvido que confunde sirenezinhas de fogão com o assolbio do vizinho.

O meu pão torra; quando eu vejo, já virou cheiro de rancho. A casa fica infestada. Pão torrado não é tarefa pra qualquer um. Ele me faz um qualquer um.

Acho que hoje, pela milésima vez, esse forno me avisou: - Pare com isso. Ponha uma olaria, fabrique tijolos; monte uma usina de carvão! Pohaaa! Deixe de ser burro, vá na padria da esquina. O pão torrado de lá ´pe um barato. E sai muito mais barato.

Se esse forno for isso mesmo que eu estou pensando dele, vou até seguir seu conselho. E ele vai se livrar de um belo pontapé nos fundilhos. Bem mais forte até do que os outros chutes que eu lhe dei e ele nunca reagiu. E que, cá pra nós, nunca adiantaram nada.

Mas hoje é o dia da minha vingança. Bradei o grito da independência: deu pra ti, baixo astral! Pão torrado, tchau! A padaria aqui do condomínio tem serviço tipo assim delivery. E pra mim, um cara experiente na vida, meio metido a moderno, nada mais na moda do que pão torrado em domicílio. Hoje, sim, vou torrar o saco dessa Vida de forno & fogão.

Pão Torrado, ou Vida de Forno & Fogão

Sou desses caras mais experientes da vida, meio que metido a moderno. Encaro, por supuesto, com enorme naturalidade, uma que outra tarefa daquelas chamadas lidas de casa.

Uma vassourada daqui; uma vez lá que outra arriscando uma torçãozinha nas costas ao arrumar a cama; notórias e até espalhafatosas incursões à cozinha, para fazer uma picanha mergulhada em sal grosso enrodilhada em papel laminado... E outras coisas que me deixam em dia com a modernidade caseira, tipo curtir venturas que viram verdadeiras pequenas aventuras.

Dentre todas essas coisas de domínio público das donas de casa, uma para mim tem se tornado missão impossível.: não consigo fazer pão torrado!

Tudo manobra contra mim. O fogão, a assadeira, o forno! Esse bandido, o forno! Não adianta programar o "timer", parece até que ele sabe que eu tenho há mil anos um zumbido no ouvido que confunde sirenezinhas de fogão com o assolbio do vizinho.

O meu pão torra; quando eu vejo, já virou cheiro de rancho. A casa fica infestada. Pão torrado não é tarefa pra qualquer um. Ele me faz um qualquer um.

Acho que hoje, pela milésima vez, esse forno me avisou: - Pare com isso. Ponha uma olaria, fabrique tijolos; monte uma usina de carvão! Pohaaa! Deixe de ser burro, vá na padria da esquina. O pão torrado de lá ´pe um barato. E sai muito mais barato.

Se esse forno for isso mesmo que eu estou pensando dele, vou até seguir seu conselho. E ele vai se livrar de um belo pontapé nos fundilhos. Bem mais forte até do que os outros chutes que eu lhe dei e ele nunca reagiu. E que, cá pra nós, nunca adiantaram nada.

Mas hoje é o dia da minha vingança. Bradei o grito da independência: deu pra ti, baixo astral! Pão torrado, tchau! A padaria aqui do condomínio tem serviço tipo assim delivery. E pra mim, um cara experiente na vida, meio metido a moderno, nada mais na moda do que pão torrado em domicílio. Hoje, sim, vou torrar o saco dessa Vida de forno & fogão.
UNS E OUTROS
Marina Silva é teimosa. Agora insiste que, mesmo sem ter registro, a Rede deve apresentar seu candidato ao governo de São Paulo. e Já acena com Luiza Erundina num futuro palanque. Marina não tem o menor prurido de causar constrangimento ao PSB de Eduardo Campos, a quem se aliou - já se vê, por pura birra e nada mais. Ela é tipo assim um Zé Serra de Campos; o que Serra faz com os tucanos, ela faz com os PSB. Isso só garante a reeleição de Dilma Vana que também tem lá o seu Lula para atrapalhar. No frigir dos ovos, não há um candidato a qualquer coisa nesse Brasil da Silva que não tenha o seu Metamorfose Ambulante para azucrinar.

FISIOLÓGICOS
Na verdade, nesse Brasil da Silva, em matéria de política, nada mais causa espanto. Muito menos admiração, no pior sentido da palavra. Em um país que suporta 32 partidos políticos, 33 com o subliminar e insistente Rede, a única ideologia que sobra atende pelo consagrado codinome de fisiologia. E está mais do que provado e comprovado: os partidos só se sentem bem e à vontade quando satisfazem suas necessidades fisiológicas.

MELHORAR A GOVERNANÇA
Dilma disse que é um "absurdo" paralisar obras irregulares. Pulou e andou por cima da lei, duvidou e fez pouco do Tribunal de Contas da União, como se fosse uma simples comentarista de mesa de bar e não a primeira-mulher-president@a da República. Ainda que essa república seja o desarvorado Brasil da Silva.

Agora o TCU subiu nas tamancas e bancou o respondão numa pequena aula de civilidade a quem deve ter compostura diante da Carta Magna que jurou respeitar quando se enfaixou como president@. O TCU disse e escreveu para Dilma que cumpre seu papel fiscalizador da aplicação dos recursos públicos federais, definido na Constituição Federal e determinado pela Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). E coloca lá no fim da nota:: "melhorar a governança representará um grande avanço para o desenvolvimento do Brasil".

A CARA DO GOVERNO
Essa coisa de tocar obras irregulares é a cara do governo. Mas, cá pra nós, não é a sua especialidade. Tanto é que a maioria das obras, por caprichosamente irregulares que o sejam, acabam paralisadas; tem sido o típico caso de obras inacabadas constantemente inauguradas, relançadas com pedradas fundamentais na cara do povo que, em/penhoradamente, agradece.

Dilma quer que, descobertas as irregularidades - o que está caindo de maduro - as obras sejam tocadas, enquanto corre na Justiça o processo de regularização. É o velho golpe do "agora Inês é morta".

E foi assim que se criou o Entorno de Brasília; assim que se formaram as favelas pelo Brasil afora e adentro; assim que se estão construindo estádios monumentais cheios de furos e maracutaias; assim que se fazem os "puxadinhos" nos aeroportos.

O Brasil da Silva é o paraíso das obras irregulares. Para Dilma Vana, isso não tem a menor importância; "absurdo" é embargar esse delito avassalador. Uma president@ que arrepia a lei assim, com essa desfaçatez, não precisa se preocupar com reeleição.

Basta achar um "absurdo" ser president@ e ter que concorrer uma vez mais para ocupar o mesmo lugar em que se encontra. E vamos que vamos que o Brasil brasileiro aguenta calado. E relaxa...